Como parar de brigar com meus filhos adolescentes?

Escrito por del yates | Traduzido por ricardo schweitzer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como parar de brigar com meus filhos adolescentes?
Discutir com os pais faz parte da adolescência (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

Todos os pais querem ter uma boa relação com seus filhos adolescentes, mas isso normalmente é desafiador. Seja ao discutir o toque de recolher ou ao insistir para que eles limpem seus quartos, a discussão com os adolescentes acaba sendo algo exaustivo para a maioria dos pais. Quando uma briga sai do controle, ambos os envolvidos podem acabar falando algo de que depois podem se arrepender, portanto, para evitar uma situação desse tipo, os pais devem aprender técnicas para acabar com as brigas com seus filhos adolescentes.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Entenda que seu filho está passando por uma fase difícil. Quando uma criança se torna adolescente, seu corpo muda e, muitas vezes, ela sente dificuldade de encontrar sua identidade. Na próxima vez que vocês discutirem, não leve para o lado pessoal, tente falar que você sabe que seu filho está passando por um momento difícil e que você está sempre disponível para conversar.

  2. 2

    Não use adjetivos negativos como preguiçoso, burro ou egoísta. É muito fácil falar isso quando você está irritado, mas só deve piorar a situação. Seu filho pode se sentir mal e até mais irritado.

  3. 3

    Estabeleça regras. Quando você e seu filho estiverem calmos, converse com ele sobre a importância de respeitar você e obedecer suas regras. Por exemplo, diga: "eu sei que você nem sempre concorda com o que eu digo, e é normal que você tenha o seu próprio ponto de vista. Porém, eu sou seu pai e vou fazer o que é melhor para você. Eu espero que você obedeça minhas regras e fale comigo com respeito, mesmo quando discordar de mim." Deixe bem claro quais são os comportamentos inaceitáveis e por que eles são caracterizados assim, como falar palavrões, chegar em casa depois da hora combinada e não fazer o dever de casa.

  4. 4

    Recompense seu filho pelo bom comportamento. Ao incentivá-lo, você aumenta as chances de ele continuar se comportando bem. Uma boa maneira de analisar as atitudes dele é criar uma tabela e sempre marcar um ponto nas atitudes positivas do seu filho, como quando ele termina o dever de casa no horário combinado ou limpa o quarto. Assim que ele chegar a um numero determinado de pontos, você pode dar uma recompensa, como levá-lo ao seu restaurante preferido ou comprar um jogo de videogame que ele quer. Ao dar a recompensa, fale que você está orgulhoso dele e do seu comportamento.

  5. 5

    Converse com seu filho depois de uma briga. Se você o ignorar, ele pode pensar que não liga para os sentimentos dele. Depois que você se acalmar, faça as pazes ao dizer "eu sinto muito que nós discutimos. Apesar de nem sempre concordarmos em tudo, eu quero dizer que amo você."

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível