Os perigos da loratadina

Escrito por faith davies | Traduzido por lucas schiavo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os perigos da loratadina
Os perigos da loratadina (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

A loratadina é uma medicação genérica para alergia vendida sem necessidade de prescrição médica. Muitas vezes, os pacientes e os médicos se referem a loratadina pelo seu nome de marca, como Claritin, Alavert ou Clarinex. Este medicamento suprime a produção da substância química em seu corpo responsável pelas reações alérgicas, a histamina. Apesar de sua eficácia em aliviar coceira nos olhos e espirros ligados a alergias, a loratadina causa efeitos colaterais em alguns pacientes.

Outras pessoas estão lendo

Neurológicos

Em adultos, dores de cabeça são os efeitos colaterais mais comumente reportados, as quais ocorrem, de acordo com a FDA, em aproximadamente 12% dos usuários. Sonolência também é um efeito comum em 8% dos pacientes. Tonteiras, tremores e vertigem também são sintomas possíveis em adultos que tomaram loratadina.

Crianças que tomam loratadina são mais são mais propensas a inquietação ao invés de sonolência. Devido a sua habilidade de causar tonteiras e sonolência, evite dirigir e operar maquinários pesados até que o efeito da loratadina tenha passado. Raramente o uso desse remédio causa convulsões.

Gastrointestinal

Perto de 2% das crianças tratadas com loratadina desenvolvem dor abdominal, de acordo com o site RxList. Os efeitos gastrointestinais são menos comuns em adultos, mas incluem mudanças no gosto de alimentos e no apetite, constipação, diarreia, indigestão, flatulência, soluços, fezes moles, náusea e vômito.

Respiratório

Embora raros em adultos, as crianças tratadas com loratadina são propensas a terem efeitos colaterais respiratórios. Pieiras e um aumento da incidência de infecções no trato respiratório superior são os efeitos mais comuns que ocorrem em 4% a 2%, respectivamente, das crianças tratadas com o anti-histamínico, explica o RxList. Com pouca frequência, adultos relatam bronquite, tosses, falta de ar, secura nasal e sinusite enquanto tomam loratadina.

Sensorial

Por volta de 2% das crianças que tomam loratadina desenvolvem conjuntivite, uma inflamação do revestimento em torno do globo ocular e das pálpebras, explica o RxList. Com pouca frequência, adultos descrevem efeitos colaterais sensoriais vindo da loratadina, como olhos úmidos, visão turva, dores nos olhos e nos ouvidos.

Psiquiátrica

A loratadina tem o potencial de causar falta de concentração, insônia e irritabilidade, assim como depressão e ansiedade. Efeitos colaterais mais sérios, ainda que mais raros, incluem confusão, paranoia, amnésia ou perda de memória.

Reprodução

Homens e mulheres tomando loratadina podem ter uma diminuição da libido. Pacientes mulheres também relatam dores nos seios, cólicas menstruais, menstruações fortes e aumento na incidência de infecções fúngicas vaginais. Como a loratadina é conhecida por causar danos aos fetos em testes de laboratórios feitos com animais, os médicos raramente recomendam utilizar o remédio em mulheres grávidas, alerta a RxList.

Hepático

Alguns pacientes têm as funções do fígado diminuídas ao tomarem loratadina, causando amarelamento dos olhos e pele, alerta a RxList. Em alguns casos, as disfunções resultam em hepatite séria ou dano permanente no fígado.

Outros efeitos colaterais

A loratadina também tem o potencial de causar outros efeitos colaterais mais raros e perigosos, segundo a RxList. Alguns pacientes desenvolvem uma baixa na pressão sanguínea, aumento nos batimentos cardíacos e desmaios. Outros risco em potencial é a trombocitopenia, uma queda nas plaquetas que fazem a cicatrização, o que causa risco de sangramento contínuo e duradouro após um ferimento. Muito raramente, reações alérgicas que colocam em risco a vida do paciente ocorrem devido a algum ingrediente da loratadina.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível