Mais
×

Como pintar uma planta para paisagismo

Ao planejar o projeto paisagístico, é bastante útil desenhar as plantas que indicam áreas de jardim e pavimentadas em relação à estruturas na propriedade. Embora talvez não seja possível contratar o serviço de arquiteto ou paisagista, é possível recriar o mesmo efeito se você aprender a colorir a planta paisagística como um arquiteto.

Instruções

Lapís de cor (Polka Dot/Polka Dot/Getty Images)
  1. Se você souber usar o computador muito bem, é possível esboçar a planta base no AutoCad ou em outro programa e importar o arquivo para o Adobe Photoshop ou outro programa de edição de imagem semelhante. Entretanto, esses programas exigem um conhecimento específico razoável, portanto o desenho livre (à mão) talvez seja o método mais simples, até mesmo se você acha que não tem habilidade artística suficiente para elaborar a planta.

  2. Caso possua a planta paisagística impressa, é possível pintá-la. Se não, será necessário que você faça sua própria planta. Meça a margem da propriedade e a área ocupada de qualquer construção, ou consulte planos de zoneamento. Use papel quadriculado para traçar as dimensões escalonadas e faça o contorno em um papel branco de qualidade próprio para desenho.

  3. Agora a planta está pronta para ser pintada. Use lápis ou caneta para fazer os contornos das árvores e dos arbustos proeminentes. Não é preciso se preocupar com a perfeição do desenho e dos traços; em vez disso, rabisque o contorno da planta e acrescente um círculo ou um “X” pequeno no meio para indicar a localização do tronco. Delineie as áreas de jardim, bem como as pavimentadas. Faça o contorno da casa ou de outras estruturas com um traço mais grosso.

  4. Escolha a paleta de cores e o meio a ser usado para pintar. De acordo com a Universidade de Minnessota, nos EUA, as paletas monocromáticas, como os tons de cinza e sépia, são as mais simples e geralmente mais fáceis de trabalhar para aqueles com pouca experiência. Caso tenha experiência em misturar e emparelhar cores, represente os elementos da paisagem de forma realística: as plantas são verdes, o pavimento cinza ou marrom e os elementos com água são azuis.

    Os lápis de cor são fáceis de usar, enquanto os marcadores passam uma impressão mais forte. A aquarela pode apresentar certa dificuldade se você não tiver muita experiência. Escolha o meio com o qual esteja mais familiarizado e pratique a pintura em uma folha de papel.

  5. Pinte os principais elementos da paisagem em movimentos de 45°. Comece na parte superior do desenho e continue pintando para baixo, começando com uma camada leve e aumentando a intensidade da cor à medida que for necessário. Faça o sombreamento no desenho para deixá-lo mais realista. Escolha o local do sol e mantenha a consistência na hora de sombrear. Quando for fazer as sombras, use uma versão mais escura da cor onde a sombra paira, ou tente misturar tons de roxo e cinza. Dê uma aparência profissional ao desenho fazendo traços por cima do contorno das plantas e do pavimento com tinta.

Dicas

  • Opte por tons verde-amarelados ou verde-azulados para um efeito mais realista. Uma borracha pode apagar os borrados do lápis de cor.
  • Observe plantas paisagísticas de profissionais para capturar as técnicas usadas.

O que você precisa

  • Papel branco próprio para desenho
  • Lápis e borracha
  • Caneta preta
  • Lápis de cor, canetinhas ou aquarela
  • Régua de arquiteto
  • Fita ou uma ferramenta de medição com laser
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article