Como fazer pintura chinesa com tinta em um bastão

Escrito por phil whitmer | Traduzido por bianca amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer pintura chinesa com tinta em um bastão
A pintura chinesa é uma das principais tradições artísticas do mundo (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

A pintura chinesa é uma forma de arte antiga, praticada há milhares de anos. Na China e no Japão, a tinta preta utilizada na pintura é tradicionalmente compactada em bastões cilíndricos ou quadrados. Óleo vegetal ou resina de pinheiro é queimado para produzir a fuligem utilizada para produzir a tinta. A tinta à base de fuligem de pinheiros possui uma característica tonalidade azul escura. A fuligem misturada com aglutinantes e cola é moldada na forma desejada e seca. A pintura chinesa é um estilo simplificado e meditativo que se desenvolveu a partir de caligrafia.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Papel de arroz
  • Pincel chinês com cerdas de pelos de animais
  • Tinta sólida
  • Água
  • Tinteiro

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Obtenha um pouco de papel de arroz chinês em uma loja de artigos para arte. Selecione um papel áspero e absorvente para trabalhar em um estilo impressionista à mão livre para sugerir a essência do objeto da pintura. Escolha um papel de superfície lisa para repelir um pouco a tinta e permitir pinceladas meticulosas e altamente detalhadas. Monte um conjunto de diferentes tamanhos pincéis chineses de bambu. Compre pincéis feitos de animais de pelo macio, como cabra ou raposa, ou macios e amplos. Use pincéis duros escovas de pelo de lobo para trabalhar em detalhes delicados.

  2. 2

    Escolha tinta sólida de alta qualidade que seja leve, com texturas frágeis. Procure por tinta artesanal que tenha sido envelhecida por vários anos. Compre tintas sólidas e o tinteiro de tamanhos correspondentes. Use um tinteiro muito liso e duro, de preferência um preto do distrito de Anhui, da China. Raspe ou lave o revestimento exterior do bastão de tinta antes de usar.

  3. 3

    Prepare tinta fresca para cada sessão de pintura. Cubra o fundo do tinteiro com água limpa. Use água suficiente para fazer uma quantidade adequada de tinta para uma sessão. Umedeça uma extremidade do bastão de tinta na água. Segure o bastão com força e prenda-o perpendicular à pedra. Moa a madeira contra a pedra com movimentos regulares e circulares, no sentido horário. Mergulhe o bastão na água, se ele aderir ao tinteiro.

  4. 4

    Meça a quantidade de tinta adequada ao tipo desejado de pinceladas e efeitos. Moa a tinta até obter uma consistência oleosa grossa para tons profundos e uma textura brilhante. Dilua a tinta para pinceladas translúcidas e amplas. Mergulhe as cerdas do pincel na tinta, deixando-as absorverem até a metade. Segure o pincel em pé, na posição vertical, sobre o papel em que você pintará. Varie os tons e as linhas pelas aplicação de diferentes pressões na ponta do pincel.

  5. 5

    Pinte com uma mão segura, utilizando pinceladas confiantes e ritmadas. Use um pequeno pincel de ponta fina para desenhar os contornos e as formas gerais na pintura. Preencha as formas com tons graduados e pinceladas variadas. Concentre-se nos elementos essenciais da composição e deixe todo o resto de lado. Ignore a perspectiva e trabalhe para sugerir uma visão panorâmica, atmosférica da cena. Busque por uma sensação de serenidade, equilíbrio e unidade na pintura. Deixe o fundo branco ou vá clareando as bordas da pintura, para um efeito flutuante.

Dicas & Advertências

  • Mantenha a pintura simples, sem detalhes excessivos e pinceladas estranhas.
  • Limpe o tinteiro antes que a tinta seque, para evitar resíduos na próxima sessão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível