Planejamento de orçamento para restaurantes

Escrito por michelle renee | Traduzido por lígia oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Planejamento de orçamento para restaurantes
Maximize os lucros do restaurante com um sólido planejamento orçamentário (street cafe image by jsw from Fotolia.com)

Se estiver abrindo um novo restaurante ou assumindo a gestão de um, ter um plano orçamentário bem elaborado e estrategicamente delineado pode fazer o negócio crescer ou falir. Com tantas responsabilidades envolvidas na execução de um restaurante, como cumprimentar convidados, preparar especialidades e acompanhar os funcionários e a manutenção, às vezes esquece-se das tarefas administrativas. No entanto, restaurantes experientes sabem que o planejamento orçamentário é o primeiro passo para o lucro e o sucesso.

Outras pessoas estão lendo

Por que o planejamento orçamentário de restaurantes é importante?

Operar um restaurante sem um sólido planejamento orçamentário é como tentar fazer uma viagem prolongada sem um mapa. Mesmo havendo competência da equipe, produtos "top de linha" e negócios em expansão, sem visão sólida no aspecto de perdas e ganhos, o restaurante pode ir por água abaixo, sem importar quão bem-sucedido ele pareça. Um bom plano de orçamento para um restaurante evita gastos excessivos do chef, dos gerentes do bar e dos supervisores, sobre o pagamento aos funcionários. Manter o controle dos gastos é fundamental para ter sucesso com o retorno do investimento na indústria de restaurantes.

Quem deve estar envolvido no planejamento orçamentário?

Apesar de o planejamento estratégico na indústria de restaurantes normalmente envolver todos os funcionários do estabelecimento, é melhor dirigir o plano de orçamentos para os departamentos de gestão administrativa. Serão mais adequadas reuniões de planejamento orçamentário apenas com investidores, gerentes, supervisores e todos os parceiros financeiros. Restaurantes que empregam chefs executivos ou gerentes de entretenimento muitas vezes incluem membros da área de planejamentos orçamentários e definem a eles orçamentos mensais, trimestrais ou anuais, para operarem seus departamentos. Também é uma boa ideia incluir advogado ou banqueiro para fiscalizar alterações nos acordos, nas políticas financeiras ou nos relatórios de gastos.

Quais são as principais metas em um planejamento orçamentário para restaurante?

O objetivo final do planejamento orçamentário de um restaurante é alcançar o máximo potencial de lucro e eliminar o desperdício e os gastos excedentes. Um bom plano de orçamento ajudará a eliminar o excesso de gastos com materiais como álcool, alimentos e suprimentos de manutenção, bem com as despesas administrativas, como publicidade e folha de pagamento. O plano de orçamento pode ajudar a identificar quais de seus pratos ou especialidades são mais rentáveis e produzir maiores lucros, permitindo criar uma lista de preços mais eficiente e rentável para alimentos e bebidas. Em alguns casos, um plano de orçamento é usado até mesmo para estabelecer os itens do menu ou sua reformulação.

Fórmula básica "68"

Em um restaurante, muitos profissionais planejam seu orçamento em uma fórmula padrão de "68%". Isso significa que, com uma pequena flexibilidade, os proprietários devem tentar basear seu orçamento em despesas gerais estimadas de 68% ou menos das finanças. Dividindo a fórmula, 30% são de gastos em comida e suprimentos, 25% na folha de pagamento, 3% para despesas de serviços públicos, como gás, energia elétrica e serviço de telefone, e 10% para alugar ou hipotecar o estabelecimento. Os restantes 32% -- menos publicidade facultativa e custos de marketing -- são considerados lucro.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível