Mais
×

Plantas de folhas grandes e flores vermelhas

Atualizado em 20 julho, 2017

A capacidade de adaptação permite a sobrevivência de plantas e animais em ambientes difíceis. As folhas grandes representam uma adaptação bem comum das plantas de florestas tropicais, permitindo toda a absorção possível de luz. Estas plantas arquiteturais ajudam a dar personalidade a um jardim. Da mesma forma, as cores vívidas são adaptações desenvolvidas pelas flores para atrair animais e insetos para a polinização. Por estas razões, muitas plantas possuem folhas grandes e flores vermelhas.

As folhas grandes são capazes de absorver mais luz do que as pequenas (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Nomes de plantas

A tradução dos nomes botânicos é uma boa maneira de criar uma lista rápida de plantas com determinada característica. As plantas com folhas grandes costumam ter os termos "macrofila" ou "giganteum" nos seus nomes, e as plantas vermelhas, a palavra "rubra". Por exemplo, "Trilllium chloropetalum var. giganteum" é uma versão maior e vermelha da cerejeira branca. Filipendula rubra é uma planta perene de folhas grandes com flores vermelhas a rosadas, que cresce em brejos e pântanos.

O trílio vermelho tem três folhas (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Super grande

As folhas de algumas plantas com flores vermelhas são excessivamente grandes. O ruibarbo (Rheum palmatum atrosanguineum), por exemplo, é uma moita perene de 1,80 m de altura, com flores vermelhas e folhas de 75 cm de largura. A banana-vermelha (Musa african red), é uma bananeira ornamental com brácteas de um vermelho sanguíneo e folhas no formato de palmeira. Ela cresce até 1,80 m. É importante posicionar bem estas plantas no jardim, para que não sufoquem as outras.

A bananeira tem folhas grandes e flores vermelhas (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Próprias para bordas

Algumas plantas de folhas grandes e flores vermelhas são ótimas para bordas. A rodgérsia (Rodgersia aesculifolia var. henrici) é uma moita perene boa para jardins alagados. O mamoneiro (Ricinus communis), que produz a mamona, é um arbusto perene de crescimento rápido. As folhas bronzeadas podem chegar a 30 cm, e a planta produz flores vermelhas pequenas no verão. O fórmio rubro (Phormium tenax) é uma planta perene de até 1,80 m de altura e 30 cm de largura, que produz flores tubulares vermelhas durante os meses de verão.

O mamoneiro, que produz a mamona (Ricinus communis), é uma planta perene (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Bulbos

Nem todas as plantas de folhas grandes com flores vermelhas são perenes. A crocósmia lúcifer é um bulbo que cresce em feixes, chegando a 90 cm de altura, mas se espalhando por apenas cerca de 25 cm. Produz flores alaranjadas-avermelhadas, no verão. A crocósmia masoniouro (Crocosmia masoniourum), um pouco menor que a lúcifer, floresce no fim do verão e início do outono. A cana beri ou bananeirinha-do-jardim é também de floração vermelha no verão, crescendo até 1,20 m de altura e 60 cm de largura, classificada como rizomatosa perene e bulbosa.

A crocósmia lúcifer é um bulbo (Jupiterimages/Creatas/Getty Images)

Sensível ao frio

Algumas plantas com grandes folhas e flores vermelhas se desenvolvem melhor em estufa, já que não suportam temperaturas abaixo de 10ºC, como a Clivia miniata, perene e rizomatosa com folhas longas, no formato de tiras que vão de 50 cm a 60 cm e flores alaranjadas ou vermelhas.

A clívia produz flores alaranjadas ou vermelhas (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article