Como fazer poleiros naturais

Escrito por peggy deland | Traduzido por elia regina previato
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer poleiros naturais
Faça um poleiro para a gaiola de suas aves de estimação (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Poleiros de madeira natural são uma escolha popular para as aves de estimação. O diâmetro variável reduz o risco de úlceras nos pés e de artrite, e a superfície áspera é fácil para as aves agarrarem. A maioria das aves também gosta de mastigar e lascar a casca dos galhos, o que ajuda a prevenir um crescimento exagerado do bico. Apesar desses poleiros estarem amplamente disponíveis em lojas de animais, a seleção é geralmente limitada e eles podem ser bastante caros. Se você quiser poupar dinheiro ou poleiros personalizados para caber na gaiola do seu pássaro, considere fazer o seu próprio.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Tesoura de poda
  • Árvore não-tóxica
  • Lixa
  • Cloro
  • Balde
  • Luvas descartáveis
  • Forno
  • Broca com de 5 mm diâmetro
  • Parafusos gancho 6 mm x 76 mm
  • Porcas padrão de 6 mm
  • Chave inglesa de 11 mm
  • Anilhas ou arruelas de 6,3 mm x 38 mm
  • Porcas de 6,3 mm

Lista completaMinimizar

Instruções

    Prepare os galhos

  1. 1

    Certifique-se de que a árvore da qual você está cortando galhos não é tóxica. A maioria dos livros de cuidados de aves e vários sites possuem listas de tipos seguros de madeira. Você também deve evitar o uso de madeira de árvores que foram pulverizadas com pesticidas.

  2. 2

    Use as tesouras de poda para cortar galhos do tamanho adequado. Tente cortar os que forem um pouco mais longos do que o necessário, uma vez que você provavelmente terá que cortá-los antes de instalar o equipamento de montagem.

  3. 3

    Usando a gaiola do seu pássaro como um guia, determine o comprimento que deseja para o poleiro. Corte o galho no tamanho correto usando a tesoura de poda.

  4. 4

    Corte a extremidade do galho o mais plano possível. Se a sua tesoura não estiver afiada ou o ramo for muito grande, você pode precisar nivelar a superfície do corte com uma lixa.

  5. 5

    Usando luvas, misture uma solução de água sanitária e água no balde. Use 1/2 xícara de água sanitária para cada galão de água. Mergulhe os ramos nesta mistura e deixe-os de molho por dez minutos, para matar a maioria dos patógenos.

  6. 6

    Remova os galhos da solução e deixe secar ao ar livre, de preferência ao sol.

  7. 7

    Asse os galhos a 120º C, diretamente na grelha do forno, por 30 minutos. Isso vai matar larvas de insetos e ajudar a evitar o mofo.

    Instale o equipamento de montagem

  1. 1

    Usando uma broca de 5 mm, perfure cerca de 2,5 cm na superfície de corte, na extremidade larga do poleiro.

  2. 2

    Coloque duas porcas na extremidade do parafuso em forma de gancho e usando uma chave inglesa, aperte as porcas umas contra as outras.

  3. 3

    Insira a ponta com rosca do parafuso de gancho na madeira e, usando a chave, aperte-o até que as roscas estejam completamente dentro da madeira. As duas porcas no final do parafuso servirão de "cabeça" temporária para o parafuso. Toda a porção do gancho deve ficar para fora do galho.

  4. 4

    Com a chave, soltar e remover a duas porcas do parafuso de gancho. Agora você deve ter um galho com um parafuso de gancho que se distancia aproximadamente 38 mm da extremidade larga do corte.

    Monte o poleiro na gaiola

  1. 1

    Coloque uma arruela no parafuso e posicione o galho dentro da gaiola do seu pássaro. O corte final do ramo e a anilha devem ficar alinhados com o interior e o parafuso deve se estender para fora da gaiola.

  2. 2

    Coloque outra anilha no parafuso, a partir do lado de fora da gaiola. As barras da gaiola devem estar agora entre as duas anilhas.

  3. 3

    Coloque a porca no parafuso e aperte contra a arruela externa para montar o poleiro na gaiola.

Dicas & Advertências

  • Pedaços de galho de cerca de 10 cm podem ser cortados e usados como ​como brinquedos.
  • Ramos bifurcados montados dessa maneira podem servir tanto como poleiro quanto como um brinquedo de escalada.
  • Nunca use galhos caídos. Eles são muito mais susceptíveis de estarem contaminados com bactérias e insetos.
  • Evite o uso de equipamento de montagem chapeado com zinco, pois eles podem causar problemas de saúde se ingeridos pelas aves.
  • Não corte ramos diretamente acima de sua cabeça, pois eles podem cair sobre você, causando ferimentos.
  • O cloro pode causar queimaduras. Lave com água e procure um médico se ele entrar em contato com os olhos.
  • Tenha cuidado e usar óculos de proteção ao trabalhar com ferramentas elétricas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível