Pontos negativos do namoro na adolescência

Escrito por carol adams | Traduzido por anderson gandor
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Pontos negativos do namoro na adolescência
Os pais se preocupam muito quando seus filhos adolescentes começam a namorar (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Apesar do namoro na adolescência não ser exatamente um conceito novo, a natureza do namoro mudou bastante, desde quando o pai insistia para que as 10 h da noite o filho estivesse em casa, e as saídas consistiam no máximo em um filme e um beijo. Em tempo modernos, os pais tem preocupações maiores relativas ao namoro nessa fase da vida, algumas delas com um boa justificativa.

Outras pessoas estão lendo

Atividade sexual precoce

Por causa da pressão dos amigos e da mídia, muitos adolescentes iniciam as atividades sexuais antes do amadurecimento emocional. Isso pode levar a relacionamentos que pessoas mais maduras evitariam, envolvendo abuso físico ou verbal, ou até mesmo estupro. Estes relacionamentos podem ter impactos negativos a longo prazo, fazendo com que tratem seus relacionamentos futuros com descrédito ou desconfiança. Além disso, já que os jovens geralmente ignoram conselhos sobre sexo sem proteção, os pais se preocupam que o namoro possa levar a sérios problemas de saúde para seus filhos.

Gravidez na adolescência

Outra preocupação para os pais em relação ao namoro, é a possibilidade de gravidez na adolescência, com todo o impacto que pode representar ao adolescente, em termo de saúde e planos futuros. Por exemplo, uma mãe adolescente tem muito mais probabilidade de largar os estudos, mais dificuldade de conseguir emprego ou acabar vivendo de assistência pública. Apesar destes problemas não serem intransponíveis, eles dificultam a transição para a idade adulta.

Drogas

O uso de drogas entre os adolescentes é uma das maiores preocupações dos pais. Enquanto ele estiver sob o seu teto, você pode zelar por ele, minimizando as chances dele consumir algum tipo de droga. Quando estiver namorando, no entanto, não existe controle direto sobre o que ele faz em um encontro, na companhia de outras pessoas.

Comunidades desconectadas

Uma das preocupações sobre o namoro dos filhos adolescentes é que, frequentemente os pais não tem ideia da pessoa com a qual seu filho está saindo, além de uma breve apresentação. E se os filhos decidem encontrar a pessoa em outro lugar, ao invés de em casa, existe a possibilidade de que os pais não a conheçam de maneira nenhuma. Nas décadas passadas, a maioria das pessoas vivia em comunidades onde elas conheciam seus vizinhos e os filhos deles, o que hoje em dia, já não acontece mais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível