Pontos de pressão que bloqueiam o chi

Escrito por hans fredrick | Traduzido por igor leite
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Pontos de pressão que bloqueiam o chi
Muitos movimentos do Tai Chi representam ataques a pontos de pressão vitais do chi (Zedcor Wholly Owned/PhotoObjects.net/Getty Images)

Para muitas artes marciais e tradições medicinais orientais, o "chi" é a energia interna que circula pelo corpo. Um artista marcial habilidoso pode limitar ou mesmo incapacitar o oponente, roubando-lhe a energia necessária em partes cruciais do corpo, por meio do ataque a um ponto de pressão que bloqueia o chi do oponente. Golpes, agarrões e chaves possuem capacidade de bloquear o chi quando aplicados ao ponto correto.

Outras pessoas estão lendo

A boca do tigre

A boca do tigre representa um ponto de pressão muito efetivo encontrado na mão, entre o polegar e o indicador. A pequena e carnuda junção entre esses dois dedos é a boca do tigre. Como acontece com a maioria dos pontos de pressão, pressionar esse local possui tanto uso medicinal, como uso para combate, devida à localização sobre meridianos primários do chi.

Clavícula

Existe um ponto crucial de pressão na clavícula. Um ataque ou agarrão neste ponto pode causar uma séria interrupção do chi. Fisicamente, um golpe a esse ponto também gera o risco de deslocar o ombro ou de quebrar a clavícula. Dessa forma, técnicas de ataque a essa área são muito perigosas, devendo ser utilizadas apenas quando a sua vida estiver em perigo. O ponto de pressão está localizado na altura do osso que forma uma linha vertical com a orelha.

Tíbias (canelas)

Os pontos de pressão nas artes marciais ligam-se a passagens ou meridianos pelos quais o chi viaja pelo corpo. Golpes nesses meridianos podem interromper a passagem do chi e causar dor intensa. Um exemplo de um ponto altamente sensível é a parte frontal da tíbia. Um chute fraco nessa área já é o suficiente para causar uma grande dor ao oponente.

O cotovelo

A ponta do cotovelo em si não é um ponto de pressão. Mas a área mais macia do braço, logo acima do cotovelo, é o local onde um artista marcial ágil pode atacar e romper a energia do oponente. Este ponto pode ser atacado, mas é mais comumente agarrado e usado para manipular os movimentos do oponente que está com o antebraço travado .

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível