É possível morrer de lúpus?

Escrito por gregg gerber | Traduzido por luiza horbach
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
É possível morrer de lúpus?
O lúpus pode ser a causa secundária de uma morte precoce (Dreamstime.com)

De acordo com a Lupus Foundation of America (Fundação Americana de Lúpus), 85 por cento das pessoas diagnosticadas com essa doença podem viver normalmente. Os outros 15 por cento dos indivíduos sofrem de sintomas crônicos do lúpus e de outras doenças, o que contribui para a morte precoce.

Outras pessoas estão lendo

O que é lúpus?

O lúpus é uma doença autoimune que afeta as articulações e os órgãos do corpo. Os sintomas mais comuns são uma erupção em forma de borboleta no rosto, feridas na boca, fadiga e inchaço nas articulações.

Doenças associadas

Muitos pacientes que sofrem de lúpus também têm uma ou mais das seguintes doenças, algumas das quais são fatais: artrite reumatoide, síndrome de Sjogren, síndrome do intestino irritável, doença no coração, diabetes, doença renal, doença celíaca, fibromialgia, doença de Crohn e câncer.

Problemas com prescrição de medicamentos

Alguns dos medicamentos prescritos aos pacientes com lúpus têm efeitos colaterais graves, como inibir o sistema imunológico do corpo de lutar contra doenças. Outros medicamentos podem causar doenças potencialmente fatais, como o câncer.

Causas de morte

Quando uma pessoa que tem lúpus morre, sua certidão de óbito, muitas vezes, lista outra causa de morte. As mais frequentes incluem pneumonia, doença cardíaca, doença renal e câncer. A causa secundária da morte é, então, listada como lúpus.

Detecção precoce

A detecção precoce da doença pode ajudar a estender o tempo de vida de uma pessoa com lúpus. Ainda que existam efeitos colaterais graves associados com medicamentos para o lúpus, os benefícios muitas vezes superam os aspectos negativos.

Estatísticas de morte

Segundo o órgão americano Center for Disease Control (Centro de Controle de Doenças), o número de pessoas que morrem de doenças relacionadas ao lúpus está aumentando. Um estudo de 1979-1998 mostrou que as mortes por lúpus aumentaram de 879 por ano, no início do estudo, para 1406 no final dele.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível