É possível retirar as presas de um elefante sem matar o animal?

Escrito por jordan trippeer | Traduzido por mariana silva gray
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
É possível retirar as presas de um elefante sem matar o animal?
Elefantes podem usar suas presas como "apoios" para sua tromba pesada (Comstock/Comstock/Getty Images)

As presas dos elefantes os ajudam a realizar tarefas. No entanto, as pessoas as valorizam muito por causa do marfim. Este é definido como "qualquer dente ou presa de um mamífero de interesse comercial que seja grande o bastante para ser esculpido ou entalhado". As presas de elefantes são um claro exemplo disso e os caçadores se esforçam muito para coletá-las. Infelizmente, seus métodos quase sempre culminam na morte do animal.

Outras pessoas estão lendo

Definição de presas

Presas são dentes incisivos alongados. A maioria dos elefantes asiáticos machos e machos e fêmeas africanos possuem duas presas, que crescem continuamente durante suas vidas. Cada presa pode crescer e pesar mais de 50 kg e, em algum ponto em um passado não tão distante, as presas de elefantes regularmente pesavam mais de 100 kg. No entanto, devido à extensão da caça na Ásia e na África, o gene da "grande presa" para esses animais desapareceu da população. Até 50% dos elefantes machos na população da Ásia não possuem mais presas. Cientistas acreditam que isso possa ser uma resposta evolucionária à caça.

Propósito das presas

Na maior parte do tempo, elefantes usam suas presas como armas contra outros elefantes e predadores, como leões e hienas. Elefantes também usam as presas para a forragem, para cavar e carregar coisas. Esse desgaste pode facilmente danificar os dentes incisivos, mas eles podem cicatrizar com o tempo. Se as presas forem machucadas na área da raiz, no entanto, poderá gerar muita dor para o animal.

Remoção do marfim

O terço inferior de cada presa do elefante é incorporado ao crânio do animal. Essa parte é, na verdade, uma cavidade polpuda que contém nervos, tecidos e vasos sanguíneos; no entanto, ela também é marfim. Para remover essa seção, o dente deve ser esculpido do crânio. Esse fato é uma das principais razões pelas quais os caçadores matam os elefantes. A outra razão é que elefantes adultos são extremamente grandes e perigosos, especialmente quando se sentem ameaçados. A única maneira para uma presa ser removida sem matar o animal é se ele perder o dente sozinho.

Marfim, vingança e comida

O comércio de marfim ainda prospera na África e na Ásia, mesmo com a banição do comércio de marfim pela Convenção de Comércio Internacional em Espécies Ameaçadas (CITES) em 1989. A CITES voltou atrás um pouco em 1997, quando permitiu que o Japão comprasse um estoque de marfim de três nações africanas. A caça também acontece dentro de zonas de refúgio. Em 1993, por exemplo, 1.300 elefantes africanos foram encontrados mortos, sem suas presas, no parque nacional de Nouabale-Ndok, no Congo. Fazendeiros na África e na Ásia também matam elefantes sem motivos porque os animais podem, às vezes, danificar ou consumir a safra, destruir cercas e estragar a terra.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível