Potência mínima de um inversor de um micro-ondas

Escrito por david sandoval | Traduzido por bruno charamba
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Potência mínima de um inversor de um micro-ondas
Um forno de micro-ondas funcionará corretamente caso use o inversor correto (Zedcor Wholly Owned/PhotoObjects.net/Getty Images)

Um forno de micro-ondas usa sua própria energia para cozinhar alimentos ou aplicar calor à água presente neles. Ele usa tanto um transformador quanto um magnétron para converter energia elétrica em energia de micro-ondas, além de muitas vezes conter um motor elétrico que gira a bandeja dentro de sua câmara. O magnétron, o transformador e o motor elétrico contêm dispositivos elétricos chamados de indutores. Caso planeje usar um inversor de energia para operar um forno de micro-ondas, é necessário entender como as cargas indutivas podem afetar o circuito elétrico, o que irá ajudá-lo a escolher um inversor de energia que pode fornecer energia suficiente para que faça o micro-ondas funcionar.

Outras pessoas estão lendo

Indutores

Indutores são dispositivos elétricos que armazenam energia ao converter a eletricidade em um campo magnético. Esses dispositivos resistem a mudanças de tensão e tentarão mantê-la no indutor até que o campo magnético armazenado entre em colapso. Os indutores podem ser usados em conjunto com imãs para criar um motor que transforme a energia elétrica em trabalho, além de poderem ser usados para aumentar ou diminuir a tensão AC, assim como no caso do transformador; ou criar um circuito ressonante, no caso do magnétron.

Energia de cozimento x Energia total

Os micro-ondas são muitas vezes anunciado como tendo "600 watts de potência de aquecimento". No entanto, a "energia de cozimento" refere-se à quantidade de energia que é aplicada aos alimentos preparados no interior de sua câmara. A energia necessária para operar o forno de micro-ondas é frequentemente muito maior do que a potência interna. Por exemplo, fornos de micro-ondas que podem ser anunciados com potência de 600 watts, muitas vezes, necessitam de 1.100 watts, ou mais, para funcionar corretamente. Para obter o consumo de energia real, verifique a parte de trás do forno, na saída do cabo elétrico. Os requisitos serão indicados em volts e amperes (como "120 volts CA, 9A"). Você pode obter a potência em watts multiplicando a tensão pela classificação atual, que é medida em amperes.

Onda quadrada x Inversores senoidais

É importante não só considerar o quanto de energia um inversor pode fornecer, mas também a forma de onda CA que o inversor de energia dispões. Os fornos de micro-ondas e outros aparelhos que têm cargas indutivas, que podem ser operadas através de um verdadeiro inversor de onda senoidal. Enquanto muitas cargas indutivas são capazes de serem enviadas quando ligadas a um inversor de onda quadrada, essas cargas irão gerar mais calor, podendo serem propensas a falhas mais rapidamente.

Carga e energia indutiva

Uma carga indutiva necessita de mais energia para começar do que para continuar a operação. Isso ocorre devido a mudança na tensão, que resultará em uma alteração no campo magnético através do indutor. Aplicar tensão através de uma carga indutiva, tais como em um motor elétrico, cria um fenômeno chamado de contra eletromotriz, que cancela parte da força eletromotriz à frente de um motor. Para superar isso, mais energia deve ser aplicada na inicialização do que a necessária durante a operação normal. Portanto, um inversor de energia deve ter uma classificação maior, que exceda a potência do forno de micro-ondas, e uma avaliação contínua igual ou maior do que a potência.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível