Prata coloidal para cães

Escrito por jack s. waverly | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A prata coloidal é usada como um tratamento para mais de 650 organismos causadores de doenças, tanto em humanos quanto em animais de estimação. O tratamento é eficaz contra bactérias, fungos e vírus, sem afetar as células saudáveis em volta da infecção. A prata coloidal foi uma descoberta acidental quando os recipientes de armazenamento eram feitos, em sua maioria, de prata. Atualmente, os métodos de produção são eficientes e controlados ao invés de acidentais.

Outras pessoas estão lendo

Identificação

A prata coloidal é uma solução líquida de prata usada para muitos tratamentos em humanos e cachorros. Um técnico mergulha tiras de eletrodos de prata em água purificada. Isso dá uma carga positiva aos íons de prata, que se misturam à água, transformando-a em prata coloidal.

Usos

A prata coloidal para cães é usada para tratar afecções cutâneas e do ouvido, assim como bactérias e infecções virais. Ela também ajuda a tratar ferimentos, inflamação, queimaduras, febres e infecções oculares, além de ser usada no tratamento de desequilíbrios na tireoide, infecções fúngicas, transtornos digestivos e parasitas.

Funcionamento

A prata coloidal funciona ao inibir enzimas que as bactérias, vírus ou fungos precisam para metabolizar o oxigênio de forma adequada. Isso faz com que o patógeno sufoque sem afetar as células circundantes. Então, o corpo do cachorro elimina as bactérias ou vírus mortos através dos sistemas linfático e imunológico ou, às vezes, as excreta junto com seus dejetos.

Administração

Os veterinários administram a prata coloidal em cães oralmente, em forma líquida, ou através de uma injeção intravenosa. Às vezes, os animais podem recebê-la como um spray ou topicamente, em forma de creme. Para aplicações secas, as pessoas a misturam com um pó, formando uma pasta; esse método é usado para aplicar o tratamento nas gengivas ou dentes do cachorro.

Problemas de segurança

A FDA (autoridade competente nos EUA) aprovou a prata coloidal como um suplemento dietético, quando produzido corretamente. Não existem efeitos conhecidos de que ela enfraqueça o sistema imunológico dos cães como acontece com o uso frequente de antibióticos. Esse tratamento não reage com outras medicações, não há a sensação de queimação ou formigamento quando é usado nos olhos ou na pele e não existem problemas estomacais relatados. Assim, não existem efeitos colaterais conhecidos em humanos ou cachorros.

História

A prata coloidal tem um histórico médico desde os dias da Grécia e Roma antigas. Naquele tempo, as pessoas mantinham a água em recipientes de prata, criando o líquido naturalmente. O tratamento era um agente microbial destacado entre os médicos até a Crise de 1929, quando o custo ficou muito alto para que ele fosse usado. Atualmente, o custo baixou novamente, então a prata coloidal é um tratamento viável para os cães.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível