Como preencher uma declaração juramentada

Escrito por chris blank Google | Traduzido por raissa junker
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como preencher uma declaração juramentada
Como preencher um depoimento juramentado (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Depoimentos são testemunhos juramentados, é o momento de atestar que o que você está relatando é de seu conhecimento. Depoimentos narrativos são comumente usados para declarações perante uma corte; no entanto não são a única forma de depoimento juramentada conhecida. Documentos como formulários de registro de votação eleitoral também são considerados válidos. Um depoimento pode ser escrito na primeira pessoa ou na terceira pessoa, dependendo das circunstâncias envolvidas.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Testemunha(s) para assinar a declaração
  • Notário público

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Você deve depor. Isso significa que quem estiver dando seu testemunho deve indicar qualquer informação que possa ser relevante. Por exemplo, uma testemunha em um processo judicial deve fornecer respostas a uma lista de perguntas e quem estiver preenchendo um formulário como o formulário de inscrição do eleitor deve responder verbalmente (ou por escrito) qualquer dúvida adicional.

  2. 2

    Permita que a testemunha que você levou verifique a veracidade de sua declaração. Isso geralmente significa que o indivíduo deve ter a oportunidade de ler o que você escreveu na presença do advogado ou funcionário que está coletando o depoimento. Este é o momento para esclarecer qualquer dúvida ou corrigir eventuais distorções.

  3. 3

    Depois de terminar a leitura, a testemunha deve assinar o documento. Caso a declaração vá ser usada diante de um tribunal, essa assinatura muitas vezes é feita na presença de um notário público. Caso não se tenha a intenção de usar o documento em um tribunal, isso não é necessário. Em todos os casos, uma ou mais testemunhas devem estar presentes e devem deixar seu registro no documento.

Dicas & Advertências

  • Depoimentos escritos para testemunhos não substituem a presença de uma pessoa na corte – exceções são abertas para casos extremos como motivos para temer pela segurança de quem vai depor.
  • Depoimentos não são deposições. Para um depoimento não há inquérito de advogados ou interrogatórios da oposição.
  • Saiba que fazer declarações falsas em um depoimento é perjúrio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível