Como fazer preparação para o Honda CRX

Escrito por jesse sears | Traduzido por luiz henrique amaral alves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer preparação para o Honda CRX
Os preparadores do CRX já usaram vários motores da Honda neste modelo (wrench image by Edsweb from Fotolia.com)

O pequeno esportivo Honda CRX é uma das escolhas preferidas dos que gostam de preparar carros japoneses, devido ao seu baixo peso e à sensação de estar dirigindo um kart. Apesar de todos os méritos, o CRX sofre com a falta de potência do seu motor. Com alguns pequenos acertos, o entusiasta poderá transformar o CRX de um carro de desempenho mediano em um verdadeiro foguete. Os preparadores devem focar em mais do que apenas velocidade nas retas, e criar carro que seja rápido, mas mantendo uma ótima dirigibilidade para o uso diário.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Comece trocando as rodas e pneus originais do seu CRX por algo mais leve e agressivo, especialmente se ele ainda estiver usando as rodas originais de 13 polegadas, em aço. As originais de 14 polegadas são mais leves, maiores e mais largas, mas você certamente encontrará produtos melhores no mercado de acessórios. Todos os CRX, sejam de primeira ou de segunda geração, possuem furação 4x100, o que significa que os quatro parafusos da roda estão dispostos em um círculo de 100 mm. É importante conhecer o efeito do offset da roda, em relação à sua largura, para que suas novas rodas não raspem nos para-lamas ou danifiquem os componentes da suspensão. Os CRX, especialmente os modelos da primeira geração, têm caixas de rodas pequenas, então pesquise bem antes de comprar.

  2. 2

    Estabeleça suas pretensões de ganho de potência ao preparar seu CRX, antes de gastar seu dinheiro nas lojas de acessórios. Se o seu carro é um CRX Si de ano entre 1988 a 1991, seu motor original B16A6 pode fornecer uma boa dose de potência depois do preparo. Para os modelos de segunda geração DX e HF, além de todos os da primeira, modificar o motor não é tão vantajoso, se você puder obter um motor de potência bem superior por um preço relativamente baixo.

  3. 3

    Faça as modificações mais simples e que continuará usando se decidir trocar o motor inteiro. Troque o sistema de admissão por um sistema isolado de admissão de ar frio, para aumentar o fluxo de ar para o motor e obter um pequeno ganho de potência. Troque o silencioso original e o cano de descarga por algo de diâmetro um pouco maior, pois essa modificação será vital, se for trocar o motor. Se você estiver buscando a melhor preparação para seu motor original, o mercado de acessórios oferece centrais de injeção programáveis, que extraem mais performance de seu motor, mas não faça essa modificação se for substituí-lo.

  4. 4

    Dedique alguma atenção à suspensão do seu CRX. Como todo carro mais antigo, a suspensão merece receber melhorias profundas. Alguns preparadores de CRX trocam a suspensão inteira, especialmente dos modelos da primeira geração, que ainda não tinham suspensão independente. Algumas suspensões de rosca podem melhorar consideravelmente o comportamento do carro, quando utilizadas com os pneus adequados, mas cuidado com a distância do solo, pois se o veículo estiver muito baixo, raspará facilmente em buracos, lombadas e rampas de garagem. Se você pretende conduzi-lo mais agressivamente, troque também os freios a tambor traseiros por discos, pois não adianta ter muito desempenho se não consegue fazer frenagens seguras e precisas.

  5. 5

    Escolha um novo motor para seu CRX. Do final dos anos 80 até meados de 1998, quase todos os motores de quatro cilindros da Honda são intercambiáveis entre todas as plataformas, com poucas ou nenhuma modificação. A escolha óbvia seria o motor Honda B16A VTEC, que foi usado nos CRX japoneses, o que faz que seja relativamente fácil de ser adaptado. Ele produz 150 hp em sua configuração original, e pode produzir muito mais, após pequenos ajustes. Uma escolha mais radical seria o motor B18C5 do Integra Type-R. Você pode importar qualquer motor da Honda com relativa facilidade, se tiver os recursos necessários para atender às exigências legais e alfandegárias.

Dicas & Advertências

  • Instale kits de carroceria para obter um nível maior de personalização.
  • Planeje sua preparação com cuidado. A mera instalação de peças, mesmo que sejam de marcas famosas, não lhe garantirá um carro estável.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível