Como preparar o verdadeiro caldo verde

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como preparar o verdadeiro caldo verde
De origem portuguesa, o caldo verde foi totalmente incorporado à gastronomia tupiniquim (Dina Blaszczak/iStock/Getty Images)

Para combater o frio das noites de inverno, nada melhor do que provar o delicioso e nutritivo caldo verde. A receita de origem portuguesa representa um dos pratos mais famosos na terrinha. Por lá, a iguaria foi selecionada uma das Sete Maravilhas Gastronômicas de Portugal, ao lado dos conhecidos arroz de marisco e pastel de belém. A origem do caldo verde remonta aos idos do século 15 e as Grandes Navegações. Isso porque o principal ingrediente é a batata-inglesa, trazida à Europa por exploradores que buscavam riquezas e especiarias pelo mundo. Tanto na época quanto na atualidade, trata-se de uma entrada ideal antes da refeição ou para a ceia no fim da noite.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • 1 kg batata cozidas com casca
  • 4 folhas de couve cortadas bem fininhas
  • 1 tablete de caldo (galinha, louro ou legumes)
  • 2 cebolas (médias) cortada em cubos
  • 5 dentes de alho amassados
  • 1 copo de água
  • 2 colheres (de sopa) de azeite de oliva
  • 50 g de bacon magro cortado em cubos ou em tiras finas
  • 2 linguiças calabresa cortadas em cubos
  • Sal a gosto
  • Pimenta do reino a gosto
  • Cheiro verde a gosto

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Para começar a preparar o verdadeiro caldo verde, comece lavando bem as batatas. Depois disso, cozinhe-as na panela de pressão. O ideal é que fiquem bem dissolvidas.

  2. 2

    Enquanto isso, separe a cebola, o alho, a linguiça, o bacon magro e a couve. Em uma panela, aqueça o azeite de oliva e frite primeiro o bacon e a linguiça.

  3. 3

    Quando o bacon e a linguiça estiverem fritos, escorra o óleo, retirando a gordura da frigideira. Aí sim é a hora de refogar a cebola e o alho na mesma panela.

  4. 4

    Assim que a cebola e o alho estiverem bem dourados, adicione o tablete de caldo, que pode ser de galinha, de louro ou de legumes, como preferir.

  5. 5

    Então, adicione a couve já cortada em fatias bem finas. Refogue toda a mistura.

  6. 6

    No liquidificador, coloque as batatas junto com uma folha de couve cortada em fatias. Adicione um copo de água e bata tudo junto.

  7. 7

    Por fim, coloque a mistura na panela. Adicione o sal, a pimenta e o cheiro verde a gosto. Misture bem por quinze a vinte minutos e pronto. O típico caldo verde português já pode ser servido. Acompanhe-o com pão de alho esquentado ao forno com um fio de azeite e bom apetite!

Dicas & Advertências

  • O ideal é que a couve fique "al dente", isto é, cozida, mas ainda firme.
  • Experimente colocar parmesão ralado para acompanhar o caldo.
  • Historicamente, a mistura de batata com couve e outros ingredientes deu origem ao conhecido caldo verde, tipicamente servido com azeite de oliva em tigelas de barro. Experimente manter a tradição para ter um gostinho de história e culinária de qualidade.
  • Se preferir, insira outros ingredientes na receita, como a carne seca. Só cuidado para não exagerar, senão o prato fica muito pesado para uma refeição noturna.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível