×
Loading ...

Como preparar um plano de aula

O plano de aula nada mais é do que o planejamento feito pelos educadores para orientar a realização das atividades educacionais. Essa estratégia é aplicada a todos os níveis de ensino. Por isso, é preciso haver um plano de aulas tanto para as disciplinas ministradas na pré-escola quanto para as matérias lecionadas em cátedras de universidades. O plano prevê as atividades que serão desenvolvidas ao longo do curso e é uma ferramenta muito útil tanto para o professor quanto para os alunos. Aulas não planejadas correm o risco de não cumprir o objetivo pedagógico.

Instruções

O plano de aula é uma ferramenta para melhorar o aprendizado (Jetta Productions/Digital Vision/Getty Images)
  1. Para começar o plano de aula, é preciso ter em mente alguns aspectos sobre o curso que será ministrado, como material utilizado, objetivo pedagógico e cronograma. O primeiro passo para elaborar um plano de aulas eficiente é a seleção e planejamento do material que será utilizado. Comece fazendo uma lista de livros básicos e uma lista com obras complementares ao objeto de estudo. Guarde essa bibliografia para o final. Por agora, ela tem o objetivo de fornecer ao professor os temas principais do curso. Então, selecione um ou dois temas principais que serão trabalhados no programa da disciplina.

    Loading...
  2. O primeiro passo é estabelecer os objetivos do curso. Pergunte-se sobre os conteúdos da disciplina que você espera que seus alunos saibam após a finalização do curso. Tenha em mente que o objetivo não deve ser longo nem abstrato demais. Escolha algumas das seis chamadas áreas do saber para constar nos objetivos do curso. São elas: compreensão, aplicação, análise, conhecimento, síntese, avaliação.

  3. Em seguida, faça uma planilha com o desenvolvimento do curso e o tempo necessário para realizar as atividades (cronograma). Nessa etapa, é preciso detalhar as atividades que serão realizadas e quanto tempo elas demandarão. Por exemplo: análise do capítulo X do livro-texto - 1 aula. Vale a pena detalhar o máximo de informações para você e seus alunos não se perderem durante o curso.

  4. A próxima etapa prevê o esclarecimento dos métodos de avaliação (se houver). Deixe claro como você irá avaliar o conhecimento dos alunos durante o desenvolvimento do curso. Pode ser por provas escritas, avaliações orais ou mesmo observações de participação na aula. É importante que tanto os métodos quanto as datas possíveis para avaliação fiquem bem claras.

  5. Por fim, separe uma seção para os recursos que serão utilizados, sejam eles livros didáticos, material adicional (como tesoura, cola, lápis de cor, por exemplo) e eventuais saídas de campo. Para fechar o plano de aulas, proponha uma bibliografia básica e outra complementar. Filmografia e webgrafia também são recursos em uso atualmente.

Loading...

Dicas

  • Um bom plano de aulas propõe e esclarece diversas situações para os estudantes. Deixe claro o que você espera dos estudantes. Uma dica: sugira formas como eles possam participar da aula. Assim, os estudantes aproveitarão melhor o curso e o conhecimento do professor.

Aviso

  • Fique atento para que a lista de livros exigidos não seja muito extensa. Em muitos casos, ela pode espantar os alunos em vez de aguçar o interesse.

Referências

Loading ...
Loading ...