Como preservar um crânio de vaca

Escrito por kristen bailey | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como preservar um crânio de vaca
Crânios pequenos devem ser manuseados com muito cuidado, para que os dentes sejam preservados (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

O costume de pendurar crânios de vaca em paredes ou sobre as portas é moda na decoração de interiores no sudoeste dos Estados Unidos. Falando de uma época mais simples e selvagem, os crânios de gado, usados como peças decorativas, remetem a um sentimento de Velho Oeste. Sua beleza está nas linhas duras e nas sombras. Os tons de branco contrastam com as cavidades escuras dos olhos e da boca. A famosa artista Georgia O'Keefe amava tanto os crânios de vaca e as paisagens do sudoeste que fez sua carreira pintando-os. Independentemente de onde você o encontra, se em uma feira ou caído no chão de uma fazenda, preparar o crânio para que possa ser exibido como uma arte o transformará em uma relíquia sanitária de um belo animal.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Faca pequena e afiada
  • Balde grande ou tonel
  • Detergente para roupa
  • Solução de peróxido de hidrogênio
  • Poliuretano claro

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Com o auxílio de uma faca afiada, remova o máximo de pele possível do crânio de gado, tomando cuidado para não riscar o osso.

  2. 2

    Coloque o crânio em um tonel e cubra-o com água morna. Deixe-o de molho por, pelo menos, 12 horas. Isto deixará o tecido cerebral solto e facilitará a remoção.

  3. 3

    Pegue um pedaço de arame com um laço na ponta e insira-o dentro da cavidade, na parte de trás do crânio. Movimente o arame por todos os lados, em movimentos circulares, para soltar o tecido cerebral. Encha o crânio com água e sacuda-o para remover o tecido. Repita este processo com o arame e a lavagem, até remover o máximo de tecido possível.

  4. 4

    Coloque o crânio no tonel e cubra-o novamente com água morna. Para cada 3,7 litros de água, adicione duas colheres de sopa de detergente para roupa. No decorrer de alguns dias ou semanas, a pele e a gordura restantes ficarão mais fáceis de serem removidas. Mantenha a água livre de resíduos e com seu nível cobrindo todo o crânio.

  5. 5

    A cada dois dias, lave o crânio, remova o tecido solto com uma faca e esfregue-o com uma esponja macia ou escova de dentes. Troque a água, coloque mais detergente e continue este processo até que a pele e o tecido se soltem por completo.

  6. 6

    Deixe o crânio mergulhado por 24 horas em água limpa. Enxágue-o e mergulhe-o novamente por mais 24 horas para remover qualquer odor que tenha restado.

  7. 7

    Se não quiser manter a cor natural, você poderá branquear o crânio. Mergulhe-o em uma solução de 6% de peróxido de hidrogênio, disponível em lojas que vendem produtos de beleza, na concentração de "20 volumes". Deixe-o mergulhado nesta solução até atingir o branqueamento que você deseja ou até parar de borbulhar. A solução só age enquanto está borbulhando. Se você quiser manter a cor natural do crânio, pule esta etapa e vá para a etapa 8.

  8. 8

    Deixe o crânio secar completamente.

  9. 9

    Pulverize poliuretano claro no crânio. Aplicar várias camadas muito finas irá preservá-lo e dará um pouco de brilho. Deixe cada camada de poliuretano secar completamente, antes de pulverizar a próxima.

Dicas & Advertências

  • Soluções de peróxido de hidrogênio podem causar danos à pele e aos olhos. Tenha muito cuidado ao realizar o branqueamento do crânio usando essas soluções.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível