Prevenção da anemia falciforme

Escrito por meghan slocum | Traduzido por amanda nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Prevenção da anemia falciforme
Uma vez que a anemia falciforme é herdada, a prevenção da doença só é possível antes do nascimento

A anemia falciforme, ou doença falciforme, é uma desordem sanguínea na qual as células vermelhas se tornam em forma de foice como resultado da hemoglobina defeituosa. Uma vez que a anemia falciforme é herdada, a prevenção da doença só é possível antes do nascimento. Os efeitos para sua prevenção incluem educação, teste do traço falciforme, um tipo de fertilização in-vitro e o teste pré-natal.

Outras pessoas estão lendo

Anemia falciforme versus traço falciforme

Uma parte essencial de prevenir a anemia falciforme é se educar sobre como a doença é herdada. Como o "National Heart, Lung and Blood Institute" (Instituto Nacional do Sangue, Pulmão e Coração) explica, a anemia falciforme só afeta pessoas com duas cópias do gene falciforme. Pessoas com uma única cópia tem o traço falciforme, uma condição que tipicamente não causa sintomas da anemia. As pessoas com o traço, contudo, podem passar o gene falciforme para seus filhos.

Grupos em risco

De acordo com a MedlinePlus, nos Estados Unidos o traço falciforme é mais comum em afro-americanos. Em torno de 1 em 12 afro-americanos tem o traço falciforme. Outros grupos em risco para o traço falciforme incluem pessoas cujos ancestrais são do Mediterrâneo, Oriente Médio, América do Sul ou Central ou Caribe.

Anemia falciforme em seus filhos

Como o "National Heart, Lung and Blood Institute" (Instituto Nacional do Sangue, Pulmão e Coração) explica, a anemia falciforme pode somente ocorrer quando duas pessoas com traço falciforme tem um filho. Descobrir se você ou seu parceiro tem o traço falciforme é fácil; de acordo com o CDC, a condição pode ser diagnosticada com um simples teste sanguíneo. Se nenhum de vocês carrega o gene falciforme, ou se apenas um de vocês o tem, você não irá ter nenhum filho com anemia falciforme. Se vocês dois tem o traço, contudo, há uma chance de 25% de você ter um bebê com anemia falciforme, de acordo com o "National Heart, Lung and Blood Institute" (Instituto Nacional do Sangue, Pulmão e Coração).

Fertilização in-vitro

Se você e seu parceiro não estão confortáveis com a estatística dos 25% mas não querem se abster de se reproduzir totalmente, um tipo de fertilização in-vitro chamada de diagnóstico genético de pré-implantação, pode aumentar sua probabilidade de conceber um bebê sem anemia falciforme, de acordo com a Clínica Mayo. No laboratório, os óvulos da mulher são fertilizados com o esperma do homem. Os óvulos fertilizados são então testados para o gene da anemia falciforme. Somente óvulos sem o gene falciforme são implantados no útero. Contudo, o procedimento é caro e nem sempre produz resultados satisfatórios.

Teste durante a gravidez

De acordo com o CDC, qualquer bebê que possa estar em risco de ter anemia falciforme pode ser testado para a doença antes de nascer. O teste é geralmente feito algum tempo depois do segundo mês de gravidez. Se você está interessada em prevenir a anemia falciforme em seus filhos, os resultados do teste de anemia falciforme podem influenciar sua decisão de continuar com a gravidez.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível