Como prevenir microcalcificações da mama

Escrito por john collins | Traduzido por fellipe jardim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como prevenir microcalcificações da mama
Encontrar microcalcificações é uma ocorrência relativamente comum, principalmente durante e após a menopausa (Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images)

As microcalcificações na mama são pequenos depósitos de cálcio dentro do tecido mamário. Grande parte das calcificações são benignas e a maioria dos médicos esperará e buscará uma abordagem correta para o seu aparecimento em uma mamografia. Não há métodos confiáveis ​​para prevenir microcalcificações, mas medidas podem ser tomadas para assegurar a detecção precoce e tomar as medidas preventivas contra condições mais graves da mama que podem ocorrer em alguns casos.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Detecção, identificação e acompanhamento

  1. 1

    A medicina preventiva é o segredo para a identificação precoce de microcalcificações. Consulte um médico sobre quando começar a fazer as mamografias anuais, já que essa é a primeira linha de defesa na detecção de tumores de qualquer tipo no tecido mamário.

    Encontrar microcalcificações é uma ocorrência relativamente comum, principalmente durante e após a menopausa. Na maioria das vezes, não há nenhuma causa identificável para as calcificações, mas, em alguns casos, elas ocorrerão após uma lesão na mama. A calcificação também foi identificada como um possível efeito colateral de aumento dos seios.

  2. 2

    Após a identificação de uma microcalcificação, a recomendação médica dependerá de vários fatores. Se houver apenas uma microcalcificação, provavelmente serão recomendadas mamografias de acompanhamento para monitorar as alterações ao longo do tempo. Se há várias ou elas parecerem irregulares, o próximo passo é tipicamente uma biópsia localizada para identificar se as células são malignas ou benignas. De acordo com o California Pacific Medical Center, mesmo aquelas identificadas como "suspeitas" têm 25% ou menos de chance de serem malignas.

  3. 3

    Se a biópsia for realizada, fale com o médico sobre os resultados e acompanhe os tratamentos. As microcalcificações mamárias geralmente não requerem tratamento se nenhuma malignidade é detectada. Em última análise, uma mamografia regular e uma comunicação aberta com o médico é a melhor abordagem para a saúde global da mama e devem ser parte da rotina para manter a boa saúde.

Dicas & Advertências

  • Este artigo é baseado em estatísticas e dados globais e não deve ser interpretado como aconselhamento médico individual. Consulte um médico para uma programação recomendada para exames de mama ou mamografias.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível