Qual o problema da central de ar condicionado caso a tubulação tenha congelado?

Escrito por tom nari | Traduzido por franklin serafim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual o problema da central de ar condicionado caso a tubulação tenha congelado?
Procure por sinais de congelamento na linha de alimentação do ar condicionado (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Um equivoco comum é que gelo formado nos canos de uma central de ar condicionado indicam que o sistema está funcionando bem. Entretanto, o oposto é o correto e qualquer aparecimento de gelo é um sinal para desligar o sistema e descobrir o problema.

Outras pessoas estão lendo

Como sistemas de ar condicionado funcionam

Uma central de ar condicionado é uma coleção de componentes, todos ligados através de tubos de cobre. O compressor, localizado no exterior do edifício, coloca refrigerante gasoso sob uma pressão intensa, transformando-o assim, em um líquido frio. O refrigerante frio é enviado através dos tubos de cobre ao evaporador localizado na casa. O evaporador abriga o A-coil, que é uma série de tubos de cobre entrelaçados. Ar úmido e quente oriundo da casa é levado pelos tubos e é resfriado. A umidade é removida do ar durante a condensação e o ar frio e seco é espalhado pela casa via dutos de ar. O refrigerante que absorve o calor deslocado é transformado novamente em gás e é enviado de volta para o compressor, onde o ciclo começa mais uma vez.

Razões para o congelamento de ar condicionado

Gelo tende a aparecer em dois lugares, na tubulação de fornecimento de cobre que deixa o compressor e nas bobinas do evaporador. Muitas coisas são levadas em consideração para motivo de o o sistema de ar condicionado mostrar sinais de congelamento, algumas delas você pode consertar por conta própria, enquanto outras necessitam de serviços de um profissional. Dentre os motivos mais comuns, temos filtros de ar sujos, bobina suja, baixa velocidade do soprador e baixa refrigeração.

Consertos "Faça você mesmo"

Filtros de ar entupidos são com frequência os culpados por muitos problemas com ar condicionado e, felizmente, são fáceis de serem consertados. Coloque o filtro por trás de uma abertura de ar na parede ou teto, e segure-o contra a luz. Se a luz não atravessar o filtro, ele está muito sujo. Substitua o filtro e religue o sistema. Uma bobina suja é passível de limpeza mas requer um pouco mais de trabalho. Abra o painel do evaporador para ter acesso ao A-coil, que consiste em uma série de tubos de cobre entrelaçados e filetas finas de metal. Usando um spray comercial de limpeza de bobinas, aplique a solução e deixe secar. Religue o sistema para permitir que a condensação remova a solução residual.

Chame um profissional

Devido a restrições da APA (Agência de proteção ambiental), somente um profissional licenciado pode adicionar o refrigerante. Um profissional em ar condicionado é necessário. Se há suspeita de vazamento, o técnico irá usar um aparelho adequado para descobrir o local do vazamento. Pequenos vazamentos são bloqueados por um selante químico, adicionado com o refrigerante. Vazamentos maiores podem precisar de um trabalho maior. Os técnicos irão também realizar a limpeza da bobina, caso você não esteja seguro em trabalhar com o evaporador. Baixa velocidade do soprador também necessita do suporte de um técnico. Quando a velocidade está muito baixa, o problema causará um congelamento e liberação de ar quente, enquanto a velocidade muito alta pode danificar o motor do ventilador.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível