×
Loading ...

Problemas causados pelo desmatamento

Atualizado em 17 abril, 2017

Seja o projeto contratado pelo Estado, pela cidade ou por outros proprietários, o propósito do desmatamento é para pavimentar o caminho para prédios, estradas, pastos e muitos outros desenvolvimentos. No entanto, o desmatamento provou ter efeitos devastadores no meio ambiente, em animais e nas pessoas, resultando em uma série de problemas. Geralmente esses problemas são irreversíveis em relação à magnitude da destruição.

O desflorestamento causa danos ao meio ambiente (sable blanc image by thierry planche from Fotolia.com)

Erosão do solo

A erosão do solo é um resultado do corte desnecessário de árvores. Essas árvores, junto com suas raízes, ajudam a proteger e produzir solos saudáveis. Quando elas e outras vegetações são desmatadas, o solo é exposto a chuvas pesadas. As chuvas lavam o solo bom e fazem ressurgir antigos depósitos de sal. Esses depósitos podem ser catastróficos para agricultores e colheitas. A erosão do solo pode forçar os agricultores a gastar uma grande quantia de dinheiro comprando solo estrangeiro ou fertilizantes para a restauração, muito provavelmente sem utilidade. Uma boa economia agrícola prospera em solo saudável.

Loading...

Sedimentação da água

A sedimentação de canais ocorre quando os escoamentos (depósito de sal) de áreas desmatadas (como resultado de chuvas fortes) entram em lagoas, riachos, lagos e oceanos. A vida marinha, como os peixes e as algas, sofre. As ovas de peixe são geralmente sufocadas, resultando em um declínio nas taxas de eclosão. Consequentemente, as pescas costais também sofrem. Além de poluir canais, os depósitos antigos de sal podem causar danos significantes a jardins, parques, estradas, casas e muitas outras infraestruturas.

Destruições do habitat

A remoção destrutiva de habitats resulta na perda de animais nativos. Segundo uma pesquisa conduzida na Austrália, mais de cinco milhões de passarinhos e papagaios são destruídos pelo desmatamento. A destruição do habitat também resulta na extinção de quase metade das espécies de mamíferos na Austrália, como os wallabies (cangurus pequenos) e vombates. O que parecem ser árvores densas, arbustos silvestres e a vegetação são abrigos de sobrevivência para a vida selvagem -- insetos, pássaros, mamíferos e invertebrados. Destruir esses abrigos significa destruir ninhos, plataformas de ninhos, tocas e moradias, poleiros e esconderijo de alimentos. Devido à perda de habitat, animais como ursos, leões e macacos, agora entram nas populações humanas, incluindo vilas, povoados e cidades.

Emissões de efeito estufa

O desmatamento causa emissões de efeito estufa, permitindo que o carbono escape para a atmosfera. As árvores e a vegetação absorvem o carbono via fotossíntese e impedem que grandes quantidades de dióxido de carbono escapem. Quando o carbono acumula no ar, o efeito estufa acontece, resultando na acumulação de gases. Esses gases interferem no equilíbrio da radiação da Terra. Isso acontece porque o calor do sol aumenta na atmosfera, fica preso e causa o aquecimento global. O aquecimento global pode resultar em perturbações meteorológicas instáveis, incluindo secas, tempestades, tornados, furacões e tufões excessivos.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...