Problemas com a tinta de luz negra Chameleon

Escrito por eri luxton | Traduzido por renato martin
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Problemas com a tinta de luz negra Chameleon
Tinta de luz negra (DarkAngelNeo/DeviantArt.com)

A tinta reativa de luz negra tem uma má reputação. Como muitas das tintas que os tatuadores têm usado no passado, elas são feitas de compostos nocivos ou cancerígenos. A tinta Chameleon está disponível há alguns anos, e tem uma reputação mais segura do que outras marcas, pois os produtos químicos reativos são suspensos em microcápsulas de polímero inerte. Das tintas quem brilham no escuro e de tatuagem UV no mercado, o menor número de problemas foram relatados com Chameleon.

Outras pessoas estão lendo

Equívocos

As tintas de luz negra estão disponíveis há muitos anos, mas muitas têm sido problemáticas ou tóxicas. A marca Chameleon não usa fósforo ou substâncias radioativas, e seu processo é projetado para evitar o contato direto do pigmento com o corpo humano, por isso é mais segura do que tintas de brilho ou de tatuagem UV incluindo esses compostos tóxicos.

De acordo com o BME Tattoo FAQ, tintas de tatuagem, em geral, não são reguladas pela FDA, e nem sempre são seguras. As cores vermelhas são conhecidas por causarem coceira e reações alérgicas que podem danificar a obra de arte e serem desconfortáveis. Qualquer tatuagem, no entanto, tem uma pequena chance de causar irritação inesperada.

Ingredientes e segurança

De acordo com a informação oficial do fabricante, a tinta Crazy Chameleon UV é feita de 97,5% de polimetilmetacrilato, que envolve pequenas esferas de corante fluorescente (2,5%). Polimetilmetacrilato, também conhecido como PMMA, é usado em várias aplicações médicas e é conhecido por ser altamente inerte.

Aprovação da FDA

A composição da tinta Chameleon não é aprovada pelo FDA para uso em tatuagem humana, mas também nenhuma outra é: tatuagens não são uma categoria que a FDA geralmente vigia. É, no entanto, aprovada para a marcação de peixes e animais selvagens que possam entrar na cadeia alimentação; o fabricante tem documentado isto em seu site.

Problemas

O principal problema associado com a tinta Chameleon é que os tatuadores podem não saber como usá-la corretamente. De acordo com as instruções do fabricante, elas devem ser usadas ​​sem técnicas de mistura e devem ser aplicadas no âmbito da luz negra. Portanto, tatuadores precisam tomar muito cuidado ao aplicar a tinta para criar resultados atraentes . Além de que, descuidos na aplicação podem resultar em uma tatuagem ruim.

Além disso, os pigmentos da tatuagem Chameleon não são usados há muito tempo em humanos. Enquanto seu histórico de segurança possa ser decente, ele não tem uma longa história, assim, riscos desconhecidos podem existir.

Cuidados

Se você estiver buscando uma tatuagem com um tipo desconhecido de tinta, especialmente se tiver pele sensível, peça ao tatuador para criar uma pequena linha de tinta e deixe cicatrizar antes de prosseguir com a arte, como um teste para alergias.

Sempre evite pigmentos fosforescentes ou que brilham no escuro sem uma fonte de luz: eles são cancerígenos e não são adequados para o uso na pele humana. A tinta Chameleon UV não está nesta categoria. Não existe um pigmento conhecido que brilhe no escuro e que seja seguro para tatuagens.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível