Problemas de tireoide e cãibra nas pernas

Escrito por bernadette sukley | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Problemas de tireoide e cãibra nas pernas
Cãibras nas pernas são incômodas e um dos sintomas da condição (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A tireoide, um pequeno órgão que envolve o seu pomo de Adão, é responsável pelo metabolismo do seu corpo. Ela se encarrega de processos celulares e da colocação de substâncias químicas nos lugares certos através de seus próprios hormônios, tri-iodotironina (T3) e tiroxina (T4).

Distúrbios em função da glândula podem causar uma variedade de sintomas, variando de ganho de peso à perda de cabelo, incluindo cãibras na perna ou dor. As cãibras e a dor são sintomas complicados, porque estão tipicamente associados com trauma muscular.

Os problemas de tireoide tendem a ser mais predominantes em mulheres — cerca de 10% podem ter algum grau de deficiência de hormônio da tireoide — mas os homens também podem enfrentar problemas sérios devido a mudanças na função da glândula.

Outras pessoas estão lendo

Descreva a dor

Para que o seu médico entenda o seu sintoma, seja específico. Pergunte a si mesmo: onde está a dor na perna (parte inferior ou superior, no joelho, tornozelo ou ambos)? Dói durante atividades físicas ou em repouso? É uma dor penetrante, latejante ou uma súbita pontada em uma ou várias áreas?

Faça um exame

O seu médico pode pedir um exame de sangue de tireoide para medir os níveis de T3, T4 e do hormônio estimulador da tireoide (TSH), produzido pela glândula pituitária, que comunica a primeira sobre quando produzir e excretar T3 e T4. Se a tireoide não está ouvindo a hipófise, os níveis de TSH podem subir ou descer para estimular ou reprimir a produção e secreção de T3 e T4. O exame de sangue é chamado de TSH.

Baixos níveis de hormônios podem significar hipotireoidismo ou uma tireoide com atividade insuficiente — quando os hormônios secretados não são suficientes. Altos níveis de hormônios podem significar um "hiperatividade" — quando a glândula os produz em excesso.

Boas notícias

Se o seu médico o diagnostica com hipotireoidismo, o objetivo será melhorar a função da tireoide e os níveis hormonais. Ele pode prescrever levotiroxina, a medicação da tireoide mais comumente usada.

Como os medicamentos ajudam a atingir níveis mais normais de hormônios, os músculos responderão e isso pode aliviar as dores na perna. Os medicamentos devem ser tomados regularmente, mesmo que se sinta melhor e que sua cãibra e dor tenham desaparecido.

Deixe seu médico saber se a cãibra persistir ou piorar. Também alerte-o para quaisquer efeitos colaterais ou novos sintomas. Alguns medicamentos não devem ser tomados se você tem problemas de coração, por isso fale ao seu médico de qualquer histórico familiar de doença cardíaca, ataque cardíaco ou doença arterial coronariana.

Vida após o hipotireoidismo

O seu médico pode ter de alterar a dose do seu medicamento. Tome-os diariamente e mantenha o seu médico informado de quaisquer alterações na sua saúde. Exercite-se em sessões curtas com rotinas razoáveis. O hipotireoidismo pode minar sua energia, então faça o que puder. Reduza seu consumo de gordura. Suplementos como cálcio e ferro podem interferir na sua medicação, então fale com seu médico sobre quando tomá-los.

Cãibras persistentes

Se as suas cãibras nas pernas não forem embora, o médico pode sugerir formas alternativas para tratá-las. Certifique-se de beber bastante água. Os músculos reagem aos baixos níveis de fluido com tensão. Alongue os músculos das pernas suavemente e regularmente. O calor suave ou uma massagem com água morna pode ajudar a aliviar as cãibras mais incômodas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível