Mais
×

Procedimentos para troca de fraldas em creches

Atualizado em 15 fevereiro, 2018

Os funcionários de creches costumam se encarregar da troca de fraldas das crianças. Para ajudá-los a realizar a tarefa e proteger a saúde e segurança de cada criança, as creches devem desenvolver procedimentos padrões para trocas de fraldas que sejam empregados em cada troca. Esses procedimentos envolvem não só a tarefa em si, mas também a higienização da área depois da troca.

Aprenda a trocar fraldas (Comstock/Comstock/Getty Images)

A superfície para a troca

Use uma superfície para troca de fraldas que não seja absorvente, livre de rachaduras, fendas e rasgos. Isso vai prevenir que as crianças se machuquem sobre a superfície e evita que os germes tenham fendas para se esconder da desinfetação.

Como as superfícies de troca ficam tipicamente acima do nível do chão, é importante tomar cuidado para que a criança não caia, mantendo uma das mãos sobre ela o tempo todo. Nunca se afaste da criança enquanto ela estiver sobre a mesa de troca. Mesmo um bebê que nunca rolou antes pode te surpreender repentinamente ao rolar para o chão.

Equipe na área

Uma creche pode manter as crianças seguras e se preparar para trocas de fraldas rápidas e eficientes ao equipar a área com tudo que um funcionário do local precisará para trocar as fraldas ao alcance das mãos. Por exemplo, fraldas, lenços umedecidos, luvas de látex e recipientes para fraldas sujas devem estar próximos ao cuidador, habilitando que ele possa pegar o que precisa sem ter que sair de perto da criança. Sempre verifique para garantir que os suprimentos estão acessíveis antes de começar a trocar uma fralda.

Trocando uma fralda

É importante evitar a proliferação de germes durante a troca de uma fralda. Use luvas de látex enquanto remove a fralda suja, descartando-a no recipiente adequado e colocando quaisquer roupas sujas em um saco plástico selado para devolver aos pais depois. Você pode, então, limpar o bebê com um lenço umedecido, jogando fora junto com as luvas depois no mesmo recipiente de descarte. Livrar-se das luvas permite que você coloque uma fralda limpa no bebê sem correr o risco de tocá-lo com os resíduos da anterior. Se as roupas da criança estiverem sujas, você precisará trocá-las por roupas limpas também.

Higienização

Antes de levar a criança de volta para a área da creche, lave as mãos dela com sabão e água. Isso é porque crianças pequenas e bebês costumam tocar na mesa de troca de fraldas e colocar as mãos na boca depois. Lave as suas mãos também para evitar a proliferação de germes pelo ambiente da creche.

Assim que a criança voltar para o berço, ocupada com alguma atividade ou supervisionada por outro adulto, limpe e desinfete a almofada de troca e quaisquer outras superfícies que foram sujas durante o processo de troca de fraldas. Você pode usar sabão e água comuns para limpar a área e depois utilizar uma solução desinfetante, que pode ser preparada ao misturar 1/4 de xícara de água sanitária com 3 litros de água para desinfetar efetivamente uma superfície de troca de fraldas.

Assim que a área estiver limpa e desinfetada, você e outros funcionários podem usá-la para trocar outra criança. Nunca coloque uma criança sobre uma superfície de troca de fraldas que não tenha sido limpa e desinfetada, mesmo que você não identifique sinais visíveis de sujeira. Lave suas mãos novamente depois de desinfetar a área e antes de trocar a fralda ou interagir com outras crianças, preparar alimentos ou trocar outras superfícies.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article