Mais
×

Processo de curvar madeira com vapor

Atualizado em 21 fevereiro, 2017
Marceneiros experientes costumam ter suas próprias técnicas de curvar madeira usando vapor (Tay Jnr/Digital Vision/Getty Images)

Processo a vapor para curvar madeira

Como a madeira pode ser difícil de cortar em peças exatas com as curvas certas e linhas fluidas são necessárias para um bom acabamento, curvar a madeira por outros meios sem de fato cortá-la é uma técnica consagrada de marcenaria. Embora esse processo aproveite toda a madeira usada, também leva tempo e requer os materiais adequados. Como cada peça de madeira é diferente e tem suas próprias características e defeitos, quanto mais habilidade tiver o marceneiro, mas facilmente a madeira se curvará.

Caixas de vapor

Hoje em dia, a madeira é curvada usando meios químicos, mecânicos ou o vapor. O vapor é o método mais barato e mais acessível, então permanece o mais popular. Lâminas finas de madeira usadas em acabamentos, é claro, são mais fáceis de dobrar do que peças grossas de compensado, mas o processo é parecido. O primeiro passo envolve uma caixa de vapor: primeiro a madeira é mergulhada em água, e depois colocada em um recipiente especial chamado caixa de vapor (que também pode ser um cano ou uma lata ou algum outro recipiente). Essas caixas variam muito dependendo da madeira ou do tamanho das chapas que se deseja curvar, mas todas têm duas aberturas principais. De um lado, joga-se vapor na caixa, aumentando a pressão, o calor e a umidade. A pressão nunca fica muito alta, no entanto, porque a caixa também tem vários buracos de ventilação, geralmente localizados do outro lado, para que o vapor escape.

O tempo que demora para vaporizar a madeira é geralmente determinado por sua espessura. Uma regra geral usada por muitos marceneiros é de uma hora para cada 3 cm de espessura da madeira. Esse tempo é suficiente para que o vapor penetre profundamente na madeira e ative muitas das células flexíveis de celulose no meio da chapa que podem ter secado. Novamente ativas, essas células têm flexibilidade suficiente para que a madeira possa ser moldada em outras formas, mas o tempo é muito importante. Quando estiver pronta, a madeira deve ser imediatamente retirada da caixa e curvada.

Técnicas para curvar

Os métodos para curvar madeira variam de carpinteiro a carpinteiro. Muitos usam um gabarito de flexão para curvas simples, que molda a madeira sobre uma base semicircular e a fixa na posição correta com uma seção superior que é pregada cuidadosamente sobre a madeira. Para padronagens mais complicadas, que requerem ondas ou curvas múltiplas em uma mesma peça de madeira, cria-se um molde. Esses moldes são feitos de espuma ou gesso e têm uma parte de cima e uma parte de baixo. Corta-se a forma exata ou padronagem na qual a madeira será curvada. A madeira é colocada nesse espaço entre as peças, que são fixadas com presilhas. A madeira fica nessa posição até que seque, quando é retirada e tratada.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article