Produtos químicos da Coca-Cola que sensibilizam sua língua

Escrito por jean bardot | Traduzido por josé moreira
Produtos químicos da Coca-Cola que sensibilizam sua língua

A Coca-Cola tem um sabor único que é popular no mundo inteiro

Creatas/Creatas/Getty Images

A Coca-Cola tem um sabor característico que é conhecido em todo o mundo. A fabricante foi a primeira a criar uma bebida de cola, no final do século 19. As misturas de sabores e produtos químicos utilizados mudaram ao longo dos últimos 100 anos. A Coca-Cola foi originalmente elaborada com produtos químicos perigosos, como a cocaína, que não é mais utilizada em sua fórmula e foi substituída por ingredientes mais seguros. Cada consumidor terá uma experiência individual quanto ao seu sabor único da bebida e sua composição química.

Outras pessoas estão lendo

Frutose

A frutose, ou açúcar da fruta, é um dos dois primeiros produtos químicos que sensibilizam a sua língua quando você bebe uma Coca-Cola. Isso é o que dá à bebida seu sabor doce, estimulando o paladar. O xarope de milho rico em frutose é usado no lugar da sacarose para adoçar a bebida e muitas outras não alcoólicas. Originalmente, ela era adoçada com sacarose, mas devido aos preços mais baixos e à alta disponibilidade da frutose, a empresa agora a usa rotineiramente para adoçar o refrigerante.

Adoçantes artificiais

As versões diet e de baixa caloria da Coca-Cola são adoçados com adoçantes artificiais, como aspartame e Splenda. Eles imitam o sabor do açúcar e da frutose, também estimulando o paladar.

Ácido fosfórico

O ácido fosfórico é adicionado à Coca-Cola para melhorar seu sabor e evitar o crescimento de bactérias e fungos, de acordo com o site General Chemistry. Embora ele seja corrosivo, a quantidade adicionada ao refrigerante é menor que a quantidade de ácido cítrico do sumo de laranja. Os ácidos acrescentam um sabor picante e agudo, estimulando as papilas gustativas da língua.

Dióxido de carbono

A sensação efervescente de sua língua ao experimentar qualquer tipo de Coca-Cola vem da adição do dióxido de carbono. Quando você abre o refrigerante, o chiado alto ouvido inicialmente é a pressão interna se igualando à externa. Desde que beba o refrigerante logo após abri-lo, ainda conseguirá sentir a efervescência em sua língua. Depois dele ficar algum tempo aberto, o restante do CO2 se dissipa e a bebida desce facilmente.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media