Que produtos químicos há no Windex?

Escrito por lisa parris | Traduzido por barbara almeida
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que produtos químicos há no Windex?
Que produtos químicos há no Windex? (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Windex é um produto comercial utilizado para limpar vidro e outras superfícies. Conhecido por sua cor azul característica e fragrância parecida com amônia, a popularidade do produto levou o nome da marca a ser comumente usado para referir-se a qualquer marca de limpa-vidros. Inventado em 1933, o produto original era altamente inflamável e teve que ser completamente reformulado. Desde então, o produto passou por uma série de "melhorias", com a fórmula atual sendo uma versão mais ecologicamente amigável das precedentes.

Outras pessoas estão lendo

Fórmula antiga

Em 1933, Harry R. Drackett inventou o limpa-vidros Windex. O produto original era uma mistura de solventes altamente inflamáveis que tinha que ser vendido em latas de metal. No fim da Segunda Guerra Mundial, os tensoativos foram introduzidos à população em geral. Um tensoativo é um composto que pode ser dissolvido tanto em solventes orgânicos quanto em água, permitindo que a fórmula seja diluída durante a reformulação.

Uma fórmula antiga de Windex continha água, álcool isopropílico (um solvente altamente inflamável), etilenoglicol (outro solvente, não tão eficaz), lauril sulfato de sódio (um tensoativo que atrai sujeira, evitando que ela volte depois de removida) e amônia (uma base forte usada para dissolver compostos orgânicos, como a graxa). Essa fórmula era barata de se fabricar e segura para usar, permitindo que a empresa mudasse para as garrafas transparentes mais atraentes com borrifadores convenientes.

Que produtos químicos há no Windex?
Windex

Nova fórmula

O Windex não é mais apenas um limpa-vidros. Agora há um produto Windex especificamente projetado para limpar cada superfície da sua casa. Mas a velha garrafa azul ainda é a primeira coisa em que as pessoas pensam quando você diz Windex, e por uma boa razão. Os produtos químicos no Windex funcionam para limpar vidros sem deixar manchas visíveis para limpar com segurança uma variedade de superfícies. Popular como o Windex é, a velha e confiável fórmula foi ajustada para se tornar mais ecologicamente amigável. De acordo com a Ficha de Dados de Segurança de Material para o Windex azul original, a nova fórmula ecologicamente amigável contém os seguintes ingredientes: isopropanol, 2-butoxietanol, éter etileno glicol n-hexílico, água, perfume e corante azul.

Isopropanol

O isopropanol ou álcool isopropílico sempre foi o principal componente da fórmula química do Windex. Esse líquido altamente inflamável é barato, amplamente disponível e relativamente atóxico. Ele dissolve uma vasta gama de compostos e seca rapidamente sem deixar manchas. É bom para remover qualquer coisa, desde resíduos de cola a impressões digitais.

2-butoxietanol

Embora utilizado principalmente para remover tinta, o 2-butoxietanol é encontrado um uma grande variedade de produtos de limpeza. Esse líquido incolor tem um aroma doce e é valorizado por sua capacidade de dissolver coisas como resíduos de sabão, tinta, graxa e óleo. Apesar de ser um componente relativamente novo na fórmula química do Windex, ele é popular em produtos de limpeza de quadro branco, soluções de limpeza a seco e dispersantes de vazamento de óleo.

Éter etileno glicol n-hexílico

Etilenoglicol tem sido parte da fórmula do Windex por algum tempo. Esse produto químico funciona como solvente, tensoativo e detergente. Isso significa que ele dissolve sujeira e fuligem e ajuda a evitar que estas voltem a grudar no vidro.

Água

A água, conhecida como o solvente universal, é muito eficaz na dissolução de vários tipos de coisas. A adição de água na fórmula química foi fundamental para o sucesso do Windex, uma vez que fez o produto ficar menos volátil e mais seguro e fácil de usar.

Advertência

Apesar de a Ficha de Dados de Segurança de Material dar uma baixa classificação geral de risco ao Windex, ele pode causar pequena irritação nos olhos e no sistema respiratório. Se o produto entrar em contato com os olhos, lave imediatamente com água. Se o cheiro lhe incomodar, abra uma janela ou saia para tomar um ar fresco. Se ocorrer ingestão acidental, ligue para o Centro de Controle de Intoxicações para assistência imediata.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível