A progesterona e a dor nos seios

Escrito por tamiya king | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A progesterona e a dor nos seios
Seios doloridos é a reclamação mais comum dos efeitos da progesterona (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Os níveis de progesterona e estrogênio flutuam no corpo feminino antes e depois do ciclo menstrual mensal, mas problemas de saúde e hábitos ruins de estilo de vida podem realmente jogar os hormônios para fora de equilíbrio, mesmo antes da menopausa. O tratamento com progesterona é frequentemente recomendado para mulheres de meia idade que não estão mais aptas a gerarem filhos ou que fizeram histerectomia, e esse hormônio pode causar efeitos colaterais. Mulheres jovens e adolescentes também podem sentir os efeitos colaterais da progesterona, e uma das reclamações mais frequentes são os seios doloridos.

Outras pessoas estão lendo

Progesterona e menopausa

A menopausa é caracterizada pela falta de estrogênio no corpo, já que a mulher não precisa mais desse hormônio para o propósito de gerar filhos. Os médicos frequentemente prescrevem pílulas de reposição hormonal para mulheres na menopausa, e esse medicamento contém progesterona junto com estrogênio para lidar com os sintomas de calores, suores noturnos e ansiedade.

Progesterona e controle de natalidade

A progesterona é usada em pílulas anticoncepcionais e é o ingrediente principal da mini pílula - um contraceptivo ideal para mulheres mais jovens que não podem tomar as pílulas tradicionais, mas o hormônio suaviza o tecido do seio e as terminações nervosas, tornando-os extremamente sensíveis.

Tratando a sensibilidade nos seios

Para reduzir as chances de seios doloridos, muitos médicos recomendam que os níveis de estrogênio sejam reduzidos antes da progesterona natural poder ser usada para que problemas, como o crescimento anormal dos seios, ganho de peso e dor na articulação possam ser eliminados. Existem inúmeras vitaminas e minerais necessárias para otimizar a saúde dos seios - incluindo a prevenção de dor - como vitamina D, que você obtém passando mais tempo no sol (com o protetor solar apropriado), comendo mais produtos com leite integral e suplementação.

Fazendo mudanças

Se os seios doloridos persistirem, converse com seu médico sobre métodos alternativos de contraceptivos. Mulheres com dominância de estrogênio, que podem também levar ao desequilíbrio de progesterona, frequentemente comem muitos carboidratos simples e não muito dos complexos - mudar do pão branco para o pão integral pode ser muito útil.

Determinando se a progesterona é a causa

Para determinar se a progesterona é a causa dos seios doloridos, as mulheres devem fazer um exame dos níveis hormonais com um ginecologista ou obstetra antes de começar qualquer tipo de tratamento hormonal. Os níveis de estradiol (uma forma de estrogênio que é usada nas pílulas anticoncepcionais), testosterona, cortisol e DHEA devem ser monitorados para determinas os níveis de estresse, e indicarão se quaisquer mudanças na dieta são necessárias antes ou durante a menopausa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível