×
Loading ...

Projetos para feira de ciências sobre quais plantas produzem o melhor corante

Durante toda a história, desde civilizações antigas do Egito, Índia e China até os tie-dyes ("amarrar e tingir", técnica de tingimento de tecidos), as pessoas têm feito corantes naturais das plantas para dar cor a suas vestimentas e bens domésticos. Se estiver procurando um projeto para a feira de ciência sobre quais plantas dão os melhores corantes, experimente preparações de diferentes vegetais, frutas, raízes, cascas de árvores, caules, folhas, ervas e flores. Compare o brilho relativo da cor, a diferente nos resultados dependendo do tempo e da temperatura em que cada mistura é preparada ou a fixação da cor do corante com ou sem um fixador (mordente) de alume ou vinagre.

Povos antigos usavam corantes naturais feitos de nozes, grãos, folhas e sementes (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Pesquisa

Um bom cientista se familiariza com o conhecimento científico já descoberto sobre o assunto a ser pesquisado antes de iniciar qualquer experimento. Leia sobre a história da criação de corantes para saber quais tipos de plantas são as melhores para fazer diferentes cores. Selecione pelo menos três plantas em uma família de cor para testar e comparar. Por exemplo, para a família do vermelho/rosa experimente beterraba, oxicoco, repolho roxo, morango, cereja e rosas. Coloque uma pergunta como "Qual planta irá produzir o corante vermelho mais forte?" ou "Adicionar alume ao corante irá tornar fixar melhor a cor do que não colocar nada?" ou "Alguns tipos de corante de plantas que fixam melhor do que outros?"

Loading...

Hipóteses

Baseando-se na pesquisa, faça uma previsão sobre os resultados do experimento. Crie uma hipótese que responda às perguntas feitas, por exemplo "O oxicoco produzirá um corante vermelho mais brilhante do que as cerejas." ou, "Todos os corantes desbotarão se um fixador como alume não for colocado." ou "O alume segura o corante melhor do que o vinagre.".

Procedimento de teste

Documente com cuidado cada parte do processo de teste em imagens e anotações. Corte cada tipo de planta em pequenos pedaços e ferva na água. Se estiver comparando os resultados baseados no tempo de aquecimento e temperatura, anote as condições de preparação de cada lote. Para comparar a fixação da cor, faça dois lotes de cada tipo de planta -- um com um mordente e um sem. Outra opção é misturar um lote com vinagre, um com alume e um sem nenhum fixador. Deixe os corantes de lado durante a noite para desenvolverem a cor e coe a planta. Selecione um tipo de tecido branco como algodão, linho, lã, raiom (seda artificial), náilon, poliéster ou a mistura de algodão com poliéster, e corte uma tira para cada lote de corante e as etiquete de acordo. Mergulhe cada tira no corante correspondente, anotando a quantidade de vezes que cada uma fica imersa. Deixe o tecido secar e compare os tons de cor. Pingue água em cada amostra com um conta-gotas para comprar a fixação. Repita o teste com diferentes tipos de tecido para descobrir se os resultados diferem em tom e fixação.

Resultados

Analise os dados do experimento para determinar se você confirmou ou não sua hipótese. Escreva um resumo da sua pesquisa, a previsão, os testes e as explicações científicas para os resultados. Crie gráficos e tabelas para os dados. Organize as figuras, as tiras de teste, os relatos e o visual de forma clara e ordenada em um panfleto do quadro da feira de ciência.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...