Como propagar costela-de-adão

Escrito por reannan raine | Traduzido por heloisa alves cardoso
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

As plantas costela-de-adão não são mais classificadas como filodendros. O nome botânico é Monstera deliciosa e elas também são comumente chamadas de banana-do-mato e abacaxi-do-reino. Essas plantas são facilmente propagadas através do corte do caule. Os cortes podem ser tirados de uma planta madura e enraizada em qualquer época do ano. No entanto, elas enraízam mais rapidamente na primavera e no verão, durante a estação natural de crescimento.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Mistura para vasos à base de turfa
  • Vaso de 20 cm de diâmetro
  • Colher
  • Planta costela-de-adão
  • Tesouras afiadas
  • Hormônio enraizador
  • Garrafa plástica de dois litros
  • Faca afiada

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Coloque a mistura à base de turfa em um vaso de 20 cm de diâmetro com furos para drenagem no fundo. Certifique-se de que a mistura do vaso contenha perlite, areia ou vermiculita para incentivar uma boa drenagem. Uma proporção boa consiste em uma parte de perlite, areia ou vermiculite para duas partes de turfa. Regue a mistura inteiramente, mexendo com uma colher para garantir que não fiquem partes secas.

  2. 2

    Corte uma parte do caule da costela-de-adão com uma tesoura afiada bem abaixo da junta de um caule ou folha. Tire pelo menos de 5 a 8 cm do caule verdadeiro da planta, e não do caule da folha. Faça o corte logo abaixo de uma raiz aérea, caso haja uma. Use a tesoura para retirar as folhas da base do caule, pois deve haver 5 cm de caule descoberto nessa parte.

  3. 3

    Cubra a extremidade cortada do caule com hormônio enraizador e empurre-a na mistura de terra, no meio do vaso. Certifique-se de que os 5 cm inferiores do caule esteja dentro da mistura.

  4. 4

    Use uma faca afiada para remover o fundo de uma garrafa plástica de refrigerante de dois litros. Retire a tampa dela e coloque-a cuidadosamente no topo da planta para formar um terrário. Isso manterá a umidade ao redor da costela-de-adão.

  5. 5

    Mantenha o vaso em um local quente no qual a temperatura permaneça acima de 21 ºC. Não coloque a muda sob luz solar direta; coloque-a perto de uma janela de frente para o sul, para que ela receba luz solar indireta. Mantenha o solo sempre úmido.

  6. 6

    Retire a garrafa da planta depois que ela começar a crescer vigorosamente. Permita que o topo do solo comece a secar um pouco entre as regas, mas não deixe que seque completamente. As raízes novas são muito fracas. Coloque a garrafa de volta na planta caso ela comece a murchar e volte a deixar o solo úmido. Tente remover a garrafa novamente depois que a planta se recuperar e começar a crescer.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível