Mais
×

Como fazer seu próprio forno de barro para pizza

Atualizado em 17 abril, 2017

Não se constrói um forno de pizza da noite para o dia. São necessários certos conhecimentos de alvenaria superiores aos de um amador. O forno deve ser projetado para resistir a temperaturas altas, retendo o calor adequadamente para que as pizzas sejam bem assadas. Se deseja construir um desses fornos, é possível encontrar vários guias e referências para ajudar.

Instruções

Fornos de barro são bons para fazer pizza (Pizza image by Daniele Cruciani.it from Fotolia.com)
  1. Faça a fundação escavando-a com uma pá. Faça ao redor dela uma moldura com as tábuas de 10 cm x 15 cm de forma que elas fiquem enterradas com apenas 5 cm a 7 cm sobre o solo. Mantenha-as firmes com estacas de madeira ao seu entorno e aplique uma camada de 8 cm de cascalho na fundação. Cubra com um filme de plástico para evitar infiltração e coloque por cima a tela de arame.

  2. Misture o cimento com a betoneira e despeje-o para firmar a fundação. Em seguida, deixe a superfície nivelada e plana com um pedaço de madeira. Deixe assentar por pelo menos um dia.

  3. Construa um suporte sobre o qual será colocada a lareira. Meça e marque nele, com giz, as dimensões e a posição do forno. Para tal, alinhe os blocos de concreto retangulares e os cubos para formar um "U". Coloque duas fileiras, uma em cima da outra. Posteriormente, a cúpula será construída sobre a lareira.

  4. Primeiramente, deve-se empilhar os blocos sem massa para garantir que a estrutura fique reta. Somente depois disso será aplicada entre eles a argamassa e, em seu interior, vergalhões e concreto para dar estabilidade. Certifique-se de que o empilhamento proveja estabilidade às beiradas e coloque duas lâminas de ferro angulado por sobre a abertura para funcionar como um lintel. Aplique o moedor retirando cerca de 3 mm dos lados de cada bloco que ficar sobre as lâminas de ferro, deixando-os nivelados ao resto da estrutura.

  5. Construa uma estrutura de base com tábuas de 5 cm por 15 cm dentro do forno para apoiá-lo. As tábuas deverão ser posicionadas por cima do referido suporte para dar apoio à placa de compensado, sobre a qual será posicionada a bandeja do forno. O compensado deverá ser coberto com o agente de descofragem para não se prender ao concreto e para que seja possível retirá-lo antes de o forno ser aceso.

  6. Posicione tábuas sobre esse suporte de forma a fazer outro retângulo. Faça sobre elas uma grade de vergalhões, juntando-os com arames. Despeje, em seguida, uma camada de 8,5 cm de cimento misturado por cima, nivelando-o com um pedaço de madeira. Deixe assentar por pelo menos um dia.

  7. Construa agora a parte central posicionando a placa de cerâmica por cima do concreto. Coloque sobre ela tijolos refratários em um padrão uniforme colocando-os o mais junto possível para fazer a superfície para assar. Firme-os com com uma pasta de areia, argila refratária e água em vez de argamassa e corte-os para que fiquem no formato desejado do forno.

  8. Para construir a cúpula, faça um molde semiesférico com areia molhada. De acordo com especialistas, é recomendável um diâmetro interno de 90 cm, uma altura de pelo menos 37 cm e uma abertura de 45 cm de largura e 25 cm de altura. Utilize nessa etapa tijolos refratários de 22 cm x 11 cm cortados ao meio virando as partes cortadas para fora. Posicione a primeira fileira e posicione outras tantas por cima, sucessivamente e contra o molde. Faça um escalonamento das peças para obter mais estabilidade. Termine colocando um bloco central no topo e aplique argamassa entre os blocos.

  9. Moldure o forno com o lintel pré-fabricado e aplique argamassa por cima. Ponha tijolos ao redor da abertura do forno de forma a deixar uma aba em relevo que permita que a porta se feche com firmeza e retenha o calor.

  10. Faça um duto de tijolos para a chaminé usando uma placa de compensado para dar forma e colocando os tijolos ao seu redor. A abertura deverá ser feita em um arco de tijolos próximo à porta e deverá ter 15 cm x 25cm, passando através dela o duto metálico.

  11. Termine a chaminé aplicando tijolos e argamassa ao redor dos dutos, mantendo um diâmetro interno de 15 cm.

  12. Por fim, coloque uma porta de aço com abertura para ventilação em seu devido lugar.

Dicas

  • Compre, em lojas especializadas, apenas tijolos refratários. Os blocos normais não aguentarão a alta temperatura. Escolha modelos sem esmalte, pois ele pode conter chumbo.

Aviso

  • Não faça pizza imediatamente depois de terminar o forno. Deixe-o secar completamente, acendendo-o cinco vezes. Comece com temperaturas baixas e vá, aos poucos, aumentando. Se for logo aceso um fogo alto, o forno poderá ser danificado e ter sua capacidade comprometida.

O que você precisa

  • Tábuas de 5 cm por 15 cm
  • Estacas de madeira
  • Cascalho
  • Filme de plástico
  • Tela de arame
  • Cimento
  • Betoneira
  • Giz
  • Fita métrica
  • Blocos de concreto de 20cm x 40 cm x 20 cm
  • Blocos cúbicos de concreto de 20 cm de lado
  • Vergalhões
  • Argamassa
  • Ferro de ângulo
  • Moedor
  • Placa isolante de fibra cerâmica, com espessura de 5 cm
  • Placa de compensado
  • Agente de descofragem
  • Arame para os vergalhões
  • Tijolos refratários de 25 cm x 12 cm
  • Areia molhada
  • Argila refratária
  • Água
  • Serra para ladrilhos
  • Lintel pré-fabricado
  • Duto metálico para chaminés
  • Porta de forno de metal
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article