O que são protocolos roteáveis?

Escrito por rachelle reese | Traduzido por marina pastore
O que são protocolos roteáveis?
O roteador é um transmissor de protocolos presente em muitas casas (Thomas Northcut/Photodisc/Getty Images)

Um protocolo de rede é um conjunto de regras que define como dispositivos de rede se comunicam. Eles governam situações como a maneira com que um dispositivo localiza outro dispositivo, como os dados são segmentados para transmissão e como um dispositivo de recebimento permite que um dispositivo de envio saiba que os dados foram recebidos intactos. Um protocolo roteável incluiu regras que descrevam como um dispositivo em uma rede localize e se comunique com um dispositivo em uma rede diferente.

Modelo Referencial OSI - Camada de Rede

Para que dois dispositivos possam sem comunicar, muitos equipamentos e programas diferentes devem funcionar em conjunto. Por isso, os fabricantes destes equipamentos sentiram a necessidade de uma maneira em comum para dialogar sobre os comportamentos esperados de vários dispositivos. Este é o propósito do modelo referencial Open Systems Interconnect (OSI - Interconexão de Sistemas Abertos). O modelo OSI separa as atividades que precisam acontecer para que a comunicação de rede ocorra em sete camadas. A terceira camada, conhecida como camada de rede, descreve como os dados são roteados entre redes.

O que são protocolos roteáveis?
O modelo referencial OSI dá uma linguagem comum para a discussão de protocolos de rede (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Endereçamento para roteamento

Para que os dispositivos possam ser encontrados por outros dispositivos na mesma rede, eles devem possuir um endereço único nesta rede. Para que um dispositivo em uma rede encontre um dispositivo em outra rede, cada uma delas precisa de um endereço também. Pense nisso como uma analogia ao CEP ou código postal. Pode haver muitos endereços "Rua XV de Novembro, 123", mas apenas um em cada CEP específico.

TCP/IP

O protocolo roteável mais comumente usado é o Transport Control Protocol/Internet Protocol (TCP/IP, Protocolo de Controle de Transporte/Protocolo de Internet). Este é o protocolo usado na Internet, suportado por todos os sistemas operacionais modernos. A implementação mais comum é o IPv4, que aloca um endereço de quatro partes para cada dispositivo. O endereço contém dois componentes: um que identifica a rede e outro que identifica o dispositivo. Uma máscara sub-rede é usada para diferenciar o endereço da rede e o endereço que identifica o dispositivo. Um dispositivo em um endereço TCP/IP é conhecido como "host".

O que são protocolos roteáveis?
O TCP/IP é o protocolo roteável usado na Internet (Dynamic Graphics/Dynamic Graphics Group/Getty Images)

Análise do endereçamento IPv4

Cada host de rede é recebe três características: um endereço, uma máscara sub-rede e um gateway (ou ponte de ligação) padrão. Cada uma delas é composta de quatro números entre 1 e 255. Um exemplo de endereço é 192.168.1.12. Um exemplo de máscara sub-rede é 255.255.255.0.

Quando o host manda uma mensagem de rede para um destino, o endereço deste é comparado ao endereço do remetente para determinar se a mensagem deve ou não ser roteada para uma outra rede. Primeiro, a máscara sub-rede é usada para identificar a rede do remetente. Um valor de 255 na máscara sub-rede significa que a parte correspondente do endereço é parte do endereço de rede. Um valor de 0 indica que ela é parte do endereço do host. Neste caso, o endereço de rede é 192.168.1.0 e o endereço do host é 0.0.0.12. Desta maneira, se o host manda uma mensagem para 192.168.1.40, a mensagem não é roteada. Se o host manda uma mensagem para 192.40.5.6, a mensagem é enviada para o gateway padrão.

Protocolos roteáveis proprietários

Um dos primeiros protocolos roteáveis foi o Internet Packet Exchange/Sequenced Packet Exchange (IPX/SPX - Troca de Pacotes de Internet / Troca Sequenciada de Pacotes). O IPX/SPX foi comumente usado pelo sistema operacional de redes Novell NetWare, e foi também aplicado no Microsoft Windows, começando com o Windows for Workgroups 3.11 e o Windows NT Server. Suporte ao NWLink foi descontinuado no Windows Vista e no Windows Server 2008. A implementação da Microsoft foi conhecida como NWLink.

O AppleTelk é outro protocolo roteável proprietário, usado em redes da Apple antes da adoção do TCP/IP como protocolo padrão.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível