Quais adaptações plantas e animais têm em biomas de água salgada?

Escrito por asa jomard | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais adaptações plantas e animais têm em biomas de água salgada?
O coral é um pequeno animal, que precisa de água salgada para sobreviver (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O bioma de água salgada é um ecossistema de animais e plantas que consiste de oceanos, mares, recifes de corais e estuários. Os oceanos são salgados, a maior parte é o tipo de sal que é usado em alimentos, ou seja, cloreto de sódio. Outros tipos de sais e minerais também vêm de rochas em terra pela ação da água. Animais e plantas têm usado várias formas para serem capazes de sobreviver em condições salinas.

Outras pessoas estão lendo

Peixes e répteis

Em água salgada, a concentração do sal é maior no exterior do peixe, fazendo o sal entrar nele. Os peixes podem beber água salgada e eliminar o sal através de suas brânquias, além disso, eles também utilizam os seus rins e bombas de íons, como uma bomba de sódio ou potássio, para excretá-lo. A maioria deles vive tanto em água doce como salgada, mas alguns peixes, como o salmão e a enguia, passam parte de suas vidas em água doce e em salgada. Estes animais alteram o seu metabolismo, a fim de sobreviver nas condições diferentes. Os crocodilos que vivem em água salgada se adaptaram através do desenvolvimento de glândulas especiais em suas línguas para ajudá-los a excretar o sal.

Aves e mamíferos

As aves marinhas podem beber água e o excesso de sal é eliminado pela cavidade nasal. A narina é algumas vezes referida como as glândulas de sal e o pássaro espirra ou sacode o mineral para fora da cavidade. Alguns animais fizeram uma adaptação para não beber água salgada, por exemplo, as baleias obtém água dos animais que comem.

Plantas

As plantas do oceano se adaptaram à salinidade quebrando o sal em cloro e íons de sódio. Algumas armazenam o sal e depois o eliminam através do seu processo respiratório. Muitas delas vivem perto da praia e elas podem ter folhas espessas para armazenar água, utilizando-a para diluir a concentração sal. Reduzir a superfície da folha é uma outra maneira de se adaptar à condição de um bioma de água salgada. A grama do pântano extrai o sal e você pode ver os cristais de sais brancos em suas folhas.

Manguezais

A árvore do manguezal cresce em estuários tropicais e tem a capacidade de viver em água salgada de zonas da costa e do litoral. Durante a maré baixa, a árvore é exposta ao ar e quando a maré está alta, a árvore fica coberta de água salgada. Diferentes tipos de adaptações foram feitas para essas condições, e alguns mangues quase excluem completamente o sal e se você apertar suas folhas, terá água perto de ser pura. O mangue vermelho contém uma substância que mantém fora o sal. Muitas vezes um pouco de sal desliza através da substância cerosa e é enviado para as folhas mais velhas. As folhas caem e a árvore se livra do excesso de sal. Os mangues brancos usam outra técnica, onde as folhas tornam-se brancas pelo minério que passa no interior da árvore. Ela pode fechar os poros nas folhas e manter quanto sal ela quiser.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível