Quais são as adaptações de sobrevivência das borboletas azuis?

Escrito por naomi bolton Google | Traduzido por camila oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as adaptações de sobrevivência das borboletas azuis?
A borboleta-azul esconde as cores brilhantes das suas asas ao voar (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

A borboleta-azul é nativa principalmente do México, América Central e América do Sul, incluindo Venezuela, Brasil e Costa Rica. Essas espécies de borboletas habitam a cobertura da floresta e raramente vaga nos sub-bosques ou perto do chão. Elas têm asas azuis brilhantes, que são visíveis à distância. A borboleta-azul exibe muitas adaptações, o que permite sua sobrevivência e a continuação da espécie.

Outras pessoas estão lendo

Asas

Essa borboleta voa de uma maneira muito específica. O voo é desenhado para mostrar a cor azul de suas asas de uma maneira bem discreta, e assim, não há atenção voltada ao inseto. A superfície da asa da borboleta consiste em escalas reflexivas. Ela reflete suas asas azuis para cegar predadores, como onças-pintadas jovens. A parte inferior de suas asas tem cores ocultas que se misturam à vegetação. Ao descansar, ela dobra suas asas de uma maneira que somente a parte de baixo é mostrada. Também utiliza o mesmo procedimento quando dorme à noite e é menos visível ainda para predadores noturnos.

Dieta

A borboleta azul tem uma dieta variada. A preferência de alimentação é uma estratégia de sobrevivência, porque a borboleta ainda será capaz de crescer e prosperar, mesmo se um dos itens da alimentação ficar escasso ou desaparecer completamente. Essas espécies de borboletas, ao contrário de muitas outras, se alimentam de frutas fermentadas, fungos, seiva de árvore, lama e fluídos corporais de criaturas mortas da floresta. Ela desenvolve uma tromba, ou uma boca longa e saliente, depois da transformação de lagarta para sua forma adulta. Essa boca adaptada e com formato de canudo permite que a borboleta se alimente de muitos tipos de comida que são necessários para sua sobrevivência.

Colocação de ovos

A borboleta azul melhora sua sobrevivência como espécie colocando uma grande quantidade de ovos. O princípio detrás dessa estratégia reprodutiva é o de que, mesmo se muitos ovos são alvo de predação ou se um número considerável de lava ou pupa morre por qualquer motivo, uma parte suficiente deles sobreviverá para continuar o ciclo reprodutivo.

Olhos falsos

Essa borboleta tem olhos falsos de cor bronze na parte debaixo de suas asas. Esses olhos amedrontam predadores, que pensem que a borboleta é maior do que realmente é. Eles também deixarão os predadores confusos para identificar a criatura. A borboleta azul escapará enquanto haja dúvida suficiente em atacá-la ou não.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível