Quais alimentos um diabético não deve comer?

Escrito por cathryn whitehead | Traduzido por valéria magalhães
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Os diabéticos têm uma condição de saúde que não permite que os seus corpos quebrem o açúcar para ser usado como energia. Para evitar complicações perigosas, tais como doenças cardíacas, AVC, cegueira, amputação e danos nos rins, as pessoas com diabetes devem adotar mudanças no estilo de vida. A dieta é uma das mudanças mais importantes, mas é difícil decidir quais alimentos evitar, porque um médico pode incentivar várias porções de um alimento enquanto outro médico pode lhe dizer para evitá-los. Sua melhor aposta é a de encontrar um médico com muitos pacientes que têm o seu açúcar no sangue sob controle e seguir suas sugestões de dieta.

Outras pessoas estão lendo

Açúcar

Quando algumas pessoas pensam em açúcar, eles pensam em doces, chocolate e refrigerantes. O açúcar processado, adoçantes artificiais e mel são viciantes e prejudiciais aos diabéticos, pois aumenta os níveis de açúcar no sangue. Os alimentos diet ou sem açúcar, com exceção da geleia sem açúcar, tendem a incluir açúcar e carboidratos que não são bons para os diabéticos. Eles estão disfarçados nos rótulos dos alimentos de acordo com as palavras que terminam em "-ose", como a frutose, dextrose, maltose, sacarose e lactose, ou estão listados como xarope de milho ou amido. A substância branca que pensamos como o açúcar é a sacarose, mas também há muitos outros tipos de açúcar que os diabéticos não devem ingerir.

Grãos

Grãos, como milho, arroz, trigo, centeio e cevada são considerados saudáveis ​​para a maioria das pessoas, mas prejudiciais para os diabéticos. Cereais, pão e macarrão são apenas alguns dos alimentos feitos a partir de grãos que podem elevar o açúcar no sangue. A maltose, a forma de açúcar encontrada em grãos, é o pior tipo de açúcar para diabéticos.

Amidos

Alguns vegetais contêm uma grande quantidade de amido que se transforma em açúcar no corpo. Batata, nabo e alguns grãos, em particular, aumentam o açúcar no sangue, e diabéticos devem limitar a ingestão de cenouras, ervilhas e beterraba.

Laticínios

Produtos lácteos, como leite e queijo contêm o açúcar de lactose. Pequenas quantidades de leite desnatado ou produtos de baixo teor de gordura podem ser ingeridos, mas aqueles que são ricos em gordura devem ser evitados.

Gorduras saturadas e sal

Gorduras saturadas, como as de óleo de cozinha, margarina, pele de frango e todo os produtos lácteos, podem elevar os níveis do colesterol ruim e deixar os diabéticos mais propensos a desenvolverem doenças cardíacas. O sal pode aumentar a pressão sanguínea em diabéticos, o que também pode causar doenças cardíacas. É melhor evitar o risco de doenças cardíacas e cozinhar com gorduras saudáveis, como azeite de oliva, óleo de canola e óleo de peixe, e evitar alimentos processados ​​que normalmente contêm quantidades elevadas de gorduras saudáveis ​​e sal. Grelhar, assar e cozinhar alimentos é melhor do que fritar, e alimentos frescos são melhores do que os enlatados.

Frutas

Enquanto frutas frescas são parte importante de um dieta saudável, o açúcar das frutas, chamado frutose, é mais encontrado em alguns frutos do que em outros. Muitos alimentos processados ​​que tem "sem adição de açúcar", escrito em suas embalagens, contêm frutose, e a quantidade de frutose deve ser limitada. Frutas com muita fibra e uma pequena quantidade de açúcar que pode fortalecer o sistema imunológico, tais como maçãs, mangas, laranjas e bananas podem ser consumidas por diabéticos. O suco de fruta deve ser diluído se usado, porque ele é mais rico em carboidratos do que o fruto.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível