Quais são os benefícios do descarte adequado do lixo?

Escrito por jagg xaxx | Traduzido por larissa neubern
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os benefícios do descarte adequado do lixo?
Lixo não é algo para se manter em casa por muito tempo (garbage image by Mat Hayward from Fotolia.com)

O mundo moderno cria montanhas de lixo em forma de papel, plástico, lixo de construções, comida e tecido. Se esse lixo não fosse removido das comunidades em que as pessoas moram, elas rapidamente seriam infestadas por doenças e gases nocivos. Como lidar adequadamente com o lixo tem se tornado um problema urgente à medida em que a população humana e os níveis de consumo aumentam.

Outras pessoas estão lendo

Higiene

Dejetos e lixos que contêm restos de comida e materiais orgânicos atraem vários tipos de animais e detritívoros quando deixados em aberto. Na melhor das hipóteses, cachorros, gatos e outros animais, rasgam sacos abertos, derrubam latas de lixo e o espalham. A situação se torna mais séria quando doenças começam a espalhar-se. O descarte adequado do lixo o remove da comunidade e procede reciclando-o, colocando-o em um aterro sanitário ou incinerando-o. Opiniões públicas sobre os méritos relativos dessas diferentes técnicas diferem, com algumas pessoas preferindo o que seja mais barato e mais fácil, e outras promovendo métodos de descarte responsáveis e sustentáveis.

Estética

Além dos riscos de doenças, há o problema da estética. Poucas pessoas acham montes de lixo atraentes, e menos ainda gostam de cheirá-los. O descarte deles permite que as comunidades se mantenham agradáveis e atrativas, onde as pessoas possam caminhar e plantar ao ar livre, sem serem agredidas pela aparência e cheiro do lixo.

Reciclagem

O descarte adequado do lixo inclui a reutilização de qualquer coisa que possa ser aproveitada, visando a menor utilização de recursos e a economia de espaço nos aterros. Programas de reciclagem estão se tornando mais comuns, principalmente para vidros, plástico, metais e papeis. Separar estes materiais do que é realmente lixo e manufaturá-los novamente em novos produtos, é a melhor maneira de lidar com eles responsavelmente após o uso. Apesar das concepções erradas de muitas pessoas, a reciclagem não é uma cura para tudo. Uma grande quantidade de energia é necessária para para coletar materiais usados e fazer novos produtos utilizáveis através deles.

Redução

Quando se trata de contenção e tratamento de lixo, a redução é uma solução melhor que a reciclagem. Um produto que nunca é manufaturado é aquele que utiliza zero recursos e gera zero lixo. O momento para pensar no impacto do lixo que você gera não é quando você o descarta, mas quando você está comprando. Evitar produtos com embalagens excessivas pode reduzir muito a quantidade de lixo que você produz, reduzindo assim a carga de trabalho necessária para lidar com ele.

Resíduos perigosos

Alguns materiais, como baterias, alguns tipos de tintas, inseticidas, e tudo que seja altamente inflamável ou explosivo, são classificados como lixo tóxico. Eles precisam ser descartados por meio de um grupo de resíduos diferentes. A maioria dos municípios tem depósitos dedicados para lixos tóxicos e dias designados, nos quais você pode fazer o descarte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível