×
Loading ...

Quais são os benefícios da escuta reflexiva nas habilidades de comunicação?

Atualizado em 19 julho, 2017

A escuta reflexiva, também chamada de ativa, é um tipo de comunicação verbal que envolve que o ouvinte reafirme ou faça paráfrases do que o orador disse para garantir que ele entendeu o significado e sentimento da mensagem de partida. A escuta reflexiva tem inúmeros benefícios que melhoram as habilidades de comunicação.

Os pais podem entender melhor as crianças coparticipando de escuta reflexiva (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

Validação

Ter uma sensação de validação é um dos benefícios da escuta reflexiva. Quando o ouvinte reflete o que ele ou ela ouviu e representa de forma precisa o que o orador disse, sentirá um senso de validação ou importância. Assim, promover a validação também vai criar uma conexão e respeito mútuo entre ambas as partes.

Loading...

Consertar mal entendidos

A escuta reflexiva efetiva também é benéfica quando ajuda a consertar mal entendidos, suposições falsas e interpretações incorretas. Se o ouvinte entende mal e parafraseia incorretamente a mensagem, o orador tem a oportunidade de esclarecer o seu ponto. Se você não entender a mensagem, sempre pode dizer que não entendeu ou dizer o que acha que entendeu. Se não estiver correto, o orador corrigirá o mal entendido.

Benefício de sentir

O ouvinte também precisa ouvir além das palavras ditas, chegando até o sentimento ou emoção por trás delas. Quando isso acontece, o ouvinte terá o benefício de refletir de forma adequada o que ouviu. Por exemplo, você pode retratar o sentimento ou emoção dizendo algo como: "Você parece realmente chateado agora". Isso vai transmitir a compreensão e também a empatia e aceitação e criar a conexão e respeito entre o ouvinte e o orador. Ao reconhecer as emoções e sentimentos do orador, o ouvinte também oferecerá conforto, o que criará um laço emocional.

Continuando a conversa

A escuta reflexiva também é benéfica porque é uma forma do orador continuar a conversa. Se o ouvinte reflete de forma adequada o que ele disse ou faz uma pergunta aberta, o orador estará apto a falar mais e oferecer mais retorno sobre o assunto. Por exemplo, se o orador estiver falando sobre a experiência do filho na sala de aula e da necessidade de aulas especiais, o ouvinte pode perguntar: "Você pode me contar mais sobre a experiência dele na sala de aula regular?". Isso permitirá que o orador se abra mais sobre as experiências da criança.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...