Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?

Escrito por clara maxwell | Traduzido por vitcho ferroni
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Levantamento de peso (Power lifter. gregg westfall/Flickr.com)

Os benefícios do exercício regular no sistema esquelético podem ser dramáticos. O osso é um tecido vivo. Ele constantemente remove células velhas e usadas e cria novas células. Durante a infância e adolescência, o osso cresce na densidade, atingindo o auge entre os 20 e 30 anos. Depois disso, o osso tende a perder mais células do que cria. Com o passar do tempo, o resultado é um sistema esquelético mais frágil, composto por ossos frágeis que se quebram com facilidade. Exercícios com levantamento de peso estimulam o crescimento do osso novo e podem lentamente prevenir e até reverter a perda de ossos.

Outras pessoas estão lendo

Todo exercício pode estimular o crescimento ósseo?

Uma pesquisa conclusiva apresentada pela American Society for Bone Mineral Research (ASBMR, ou Sociedade Americana para Pesquisa de Osso Mineral, em português) mostra que o levantamento de peso estimula o crescimento ósseo. Apenas as partes do corpo que serão diretamente afetadas pelo exercício serão beneficiadas. Atividades que não incluem levantamento de peso, como natação e ciclismo não têm eficácia no crescimento ósseo.

Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Estrutura óssea

O que é exercício com levantamento de peso?

Exercício de levantamento de peso é qualquer atividade que força o corpo a trabalhar contra a gravidade. Exemplos incluem musculação, corrida, caminhada, trilhas e subir escadas. Essas atividades criam um estresse nos ossos e nos músculos, que estimulam o osso a criar tecido novo. Com exercício regular, o osso pode crescer mensuravelmente em densidade e força.

Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Corredores

Atletas e a saúde dos ossos

Pesquisas estudaram atletas para medir os efeitos de diferentes esportes no sistema esquelético. Os resultados nos permitem entender melhor quais formas de atividades são mais efetivas na construção óssea e em quais áreas do corpo. Por exemplo, jogadores de futebol apresentam 20% de aumento na densidade do osso nos quadris e um aumento de 14% nas pernas. Halterofilistas ganham 20% de densidade óssea nos braços. Corredores ganham 10% nas pernas e quadril, mas nenhum ganho nos braços.

Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Jogadores de futebol

Benefícios de outros exercícios sem levantamento de peso

Exercícios sem levantamento de peso não podem aumentar a densidade óssea, mas podem beneficiar o sistema esquelético de outras maneiras. O sistema esquelético trabalha em conjunto com o sistema muscular. Os músculo mantêm a postura e permitem que o corpo se mova. Yoga, ciclismo, alongamento, natação e Tai Chi ajudam a manter a força do músculo e também desenvolvem a coordenação e equilíbrio. Equilíbrio é essencial para ajudar a prevenir quedas, que são as principais causas de ossos quebrados em pessoas de todas as idades.

Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Pessoas praticando Tai Chi

Osteoporose e exercício

Osteoporose é uma doença que envolve a perda de tecido ósseo. É mais comum nas pessoas mais velhas e em mulheres na fase após a menopausa, em que a mudança hormonal torna difícil para elas manterem os níveis necessários de cálcio de vitamina D. O resultado da perda óssea pode ser devastador. Levantamento de peso modificado é geralmente uma parte importante do tratamento da doença, embora uma pessoa com osteoporose tenha que tomar cuidados especiais para não danificar os ossos que já estão frágeis. Exercício também é recomendado para melhorar o equilíbrio, com o objetivo de prevenir quedas e quebras dos ossos em potencial.

Quais são os benefícios de se exercitar para o sistema esquelético?
Pessoas se exercitando

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível