Quais as causas da hiperinflação pulmonar?

Escrito por denise stern | Traduzido por vanessa arnaud
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais as causas da hiperinflação pulmonar?
A hiperinflação dos pulmões é afetada por diversos fatores e deve ser tratada (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Hiperinflação pulmonar é um termo utilizado para descrever o aumento excessivo em largura ou comprimento dos tecidos pulmonares. Hiper em vocabulário médico quer dizer excessivo. Entender as causas e os sintomas da hiperinflação pulmonar é importante para os indivíduos se submeterem a tratamentos específicos. A gravidade e os sintomas da hiperinflação também são afetados pela idade (na maioria dos casos, a condição afeta adultos de idade entre 30 e 70 anos), a causa da condição e outros fatores, como doenças que acompanham o problema.

Outras pessoas estão lendo

Enfisema

A maior parte dos casos de hiperinflação pulmonar é causada por asma ou enfisema. De acordo com a Mayo Clinic, aproximadamente 95% dos casos são relacionados a enfisema, em que as cavidades de ar nos pulmões são gradualmente danificadas e param de funcionar adequadamente, resultando em encurtamento crônico da respiração. A razão pela qual os pulmões inflam é o ar que permanece preso nas vias aéreas do tecido pulmonar. Apesar da tendência da hiperinflação ser causada por enfisema, não é apropriado se autodiagnosticar, e sim submeter-se a exames para chegar a um diagnóstico.

Doença pulmonar obstrutiva crônica

Indivíduos diagnosticados com DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica) são também propícios a contrair hiperinflação pulmonar. A doença é comum em pessoas com bronquite crônica. De acordo com a Mayo Clinic, essa é uma das principais causas de morte em todo o mundo. Ela é diagnosticada quando a pessoa apresenta tosse por alguns meses do ano, nos dois últimos anos em sequência, e que resulte em infecções pulmonares ou respiratórias; uma tosse carregada que produz escarro amarelado; e, em estágios mais avançados, um encurtamento notável da respiração. A DPOC é causada principalmente por estreitamento dos brônquios.

Bronquite asmática

Outra causa comum da DPOC é uma condição conhecida como bronquite asmática, que é resultante da constrição das fibras musculares das vias aéreas ou compressão pela asma crônica. A asma é uma condição causada pelo estreitamento das vias aéreas, com sintomas parecidos com os da bronquite. Apesar de não ser tão comum como bronquite crônica ou enfisema na causa de hiperinflação pulmonar, pode acontecer.

Fumo

O fumo, especialmente a longo prazo, pode causar danos sérios e irreparáveis aos pulmões. A fumaça do cigarro, a poluição de ar e o fumo passivo são causas de danos pulmonares que produzem inflação dos tecidos por irritação constante. A Mayo Clinic afirma que quase todos os casos de enfisema e DPOC estão relacionados ao fumo.

Deletar esta guia

Deletar este texto

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível