Quais são as causas de um nariz vermelho-arroxeado ou descolorido?

Escrito por kyle anderson | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as causas de um nariz vermelho-arroxeado ou descolorido?
Geralmente, nariz vermelho-arroxeados e bulbosos são causados por rosácea (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

Todos nós já vimos narizes bulbosos e vermelho-arroxeados, como os de W.C. Fields, Karl Malden e Bill Clinton. Embora não se possa evitar, pode-se tratar a descoloração. Mas pode ser difícil determinar sua causa, assim como do espessamento do nariz. Mas, em geral, é provocada por uma afecção crônica chamada rosácea.

Outras pessoas estão lendo

Rosácea

Normalmente, quando um nariz parece bulboso, vermelho-arroxeado, este é um sinal do estágio mais extremo de uma afecção crônica chamada rosácea. Este estágio é chamado de rinofima, e é importante notar que muitos casos não progridem até esse estágio. O primeiro sinal da afecção é o rubor facial, devido à ruptura de capilares. Esse rubor começa tipicamente nas bochechas, nariz, testa ou queixo, em geral quando o indivíduo tem cerca de 30 anos de idade. À medida que o problema continua, o rubor pode se transformar em inchaço e espinhas, que se disseminam para as pálpebras e, finalmente, para o nariz, onde a pele se torna espessa e vermelha-arroxeada. Existem quatro subtipos de rosácea, e a localização dos sintomas é variável.

Sintomas e sinais

Embora o grau e a localização dos sintomas variem, os especialista dizem que sempre incluem, pelo menos, um dos seguintes: rubor persistente, propensão a ficar facilmente vermelho ou ruborizado, pequenas protuberâncias vermelhas ou espinhas, assim como vasos sanguíneos visíveis. Outros sintomas são: manchas vermelhas em alto relevo, espessamento do nariz devido a tecido extra, prurido ocular e olhos injetados, pele áspera e seca, prurido e edema facial, além de afetar outras áreas, como o pescoço e os ombros. A rosácea não é contagiosa e sua etiologia é desconhecida, há somente hipóteses, como de irritações solares, bactérias da pele, fluxo sanguíneo, vias inflamatórias anormais e fatores piscológicos. Não há comprovação científica, mas alguma evidência sugere que possa ser hereditária. Muitas vezes, as pessoas com a afecção se lembram de um membro da família afetado pela mesma condição.

Tratamento

Como os sintomas variam entre os pacientes, o tratamento também é variável. Os médicos devem tratar cada caso de modo diferente, com base nos sintomas específicos do paciente. Em geral, prescreve-se um antibiótico, inicialmente, e um creme tópico para controlar o problema, sendo o objetivo final apenas o tratamento tópico. Procedimentos cirúrgicos para remover células sanguíneas visíveis com o uso de lasers ou outras ofntes luminosas são as medidas mais extremas de tratamento. Ainda que a causa da rosácea seja desconhecida, há tratamentos disponíveis para reduzir e tornar lentos os seus efeitos, assim como grupos de apoio para as pessoas afetadas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível