Quais cuidados os seres humanos devem tomar com tartarugas marinhas?

Escrito por benna crawford | Traduzido por tamara loebe
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais cuidados os seres humanos devem tomar com tartarugas marinhas?
As tartarugas marinhas não são criaturas totalmente inofensivas, apesar de precisarem de muita proteção (leatherback sea turtle image by Shuva Rahim from Fotolia.com)

A atividade humana representa o maior perigo para as duas espécies de tartarugas marinhas ameaçadas de extinção. A atenção é mais focada nos dano que causamos para as tartarugas e seus habitats e sobre os esforços para reverter isso. Mas mais interação com as tartarugas marinhas significa alguns riscos, ainda que mínimos, que as pessoas devem estar cientes para quando se depararem com uma na natureza - ou em um prato.

Outras pessoas estão lendo

Cuidado com a mordida

As tartarugas marinhas mordem. Eles têm bicos afiados e mandíbulas extremamente fortes. Receber a mordida de uma tartaruga marinha é raro, mas pode machucar. Ela poderia causar uma contusão grave, romper a pele e até quebrar ossos. A tartarugas de couro podem chegar a 900 kg, mas até mesmo uma tartaruga menor terá mandíbulas poderosas que devem ser evitadas.

Tartarugas tóxicas

As tartarugas marinhas absorvem toxinas e poluição que se acumulam em seus corpos ao longo do tempo. Este é um risco causado pelo homem, mas é um argumento convincente para evitar o consumo de carne de tartaruga marinha. As tartarugas absorvem todos os tipos de poluentes do mar, desde o lixo até pesticidas e metais tóxicos, como cádmio e mercúrio. Estas toxinas são prejudiciais tanto para as tartarugas quanto para quem as consome. Esta é outra razão para preservar as tartarugas marinhas e serve como um lembrete que o lixo humano está poluindo os oceanos de toda a vida marinha.

Tartarugas marinhas podem deixá-lo doente

As tartarugas marinhas, quase invariavelmente, carregam a salmonela. Quase todas as tartarugas, marinhas ou terrestres, carregam a bactéria salmonela, que não parece afetá-las, mas pode causar doenças graves e até a morte em humanos. Esteja ciente de lavar as mãos após tocar em uma tartaruga marinha. Além disso, filhotes receberam teste positivo para tuberculose e existem vários parasitas perigosos que foram encontrados em tartarugas marinhas encalhadas.

Riscos nos salvamentos

As equipes de resgate que trabalharam no Golfo do México após o derramamento de óleo relataram reações cutâneas e queimaduras pelo contato com o óleo e os Centros de Controle de Doenças americano alertou a todos, não apenas a pessoas em risco, para evitar respirar os vapores ou entrar em contato com os contaminantes. Por isso, resgatar tartarugas marinhas de um derrame de óleo traz a possibilidade de contato direto com substâncias cancerígenas e cáusticas. Em outros resgates, onde as tartarugas marinhas são encontradas feridas por pescadores e velejadores, deve ser seguido um protocolo rígido para remover os ganchos e devolver a tartaruga ilesa ao oceano. Devido ao tamanho e ao peso delas, é importante trabalhar cuidadosamente para minimizar danos adicionais e para evitar ser esmagado ou ferido por uma tartaruga marinha.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível