Mais
×

Quais são os custos fixos das empresas?

Atualizado em 15 dexembro, 2016

Os custos corporativos incluem os custos fixos e variáveis, o que é especialmente verdade se forem incorridos na fabricação ou nas atividades administrativas da empresa. Os custos fixos também podem ser denominados como custos de capacidade, porque são incorridos no fornecimento da capacidade de operação da empresa. Os custos fixos podem ser classificados como comprometidos ou discricionários.

Os custos fixos podem ser classificados como comprometidos ou discricionários (Felipe Dupouy/Digital Vision/Getty Images)

Custos fixos comprometidos

Os custos fixos comprometidos são despesas nas quais uma empresa incorre por um longo período de tempo e que não podem ser reduzidas durante esse período. Esses custos incluem grandes investimentos, como a aquisição de um edifício ou de equipamentos, o custo dos impostos sobre a propriedade de um ativo ou a remuneração da gerência sênior. Essas despesas são realizadas com o entendimento de que a empresa está comprometendo o valor desses ativos ou do pessoal na função global corporativa por longo prazo. Antes de se comprometer com essas despesas, a administração deve considerar o impacto que essa ação terá sobre o negócio.

Custos fixos discricionários

Os custos fixos discricionários são despesas que podem mudar anualmente com base em decisões da gestão. Essas despesas incluem investimentos em pesquisa, programas de desenvolvimento gerencial e oferta de estágios universitários. Ainda que esses programas sejam benéficos para a organização, ela não está presa a um compromisso de longo prazo. A empresa tem mais flexibilidade na tomada de decisões sobre a continuação dessas programas, ou seja, a gerência pode mudar sua decisão e encerrá-los no ano seguinte, ou pode fazer uma mudança imediata, se a posição financeira da empresa justificar a alteração.

Comportamento do custo fixo

Os custos fixos permanecem os mesmos, independentemente do nível de atividade da empresa. Os custos fixos incorridos na fabricação não serão alterados no seu total, se o volume de produção sofrer mudanças. O custo fixo por unidade, no entanto, diminuirá à medida que a produção for aumentada. Se a produção diminuir, o custo fixo por unidade aumentará. Por exemplo, os impostos anuais sobre a propriedade não serão alterados porque a produção dobrou. Em vez disso, a despesa com esses impostos deve permanecer a mesma. O custo por unidade diminuirá, no entanto, porque será repartido por duas vezes mais unidades.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article