Quais os danos que pedras podem fazer no estômago de um cão

Escrito por kathy mair | Traduzido por marcella narvaes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais os danos que pedras podem fazer no estômago de um cão
Observe seu cão se sabe que ele tem o hábito de comer pedras (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Você pode se perguntar o que faz seu cachorro consumir alguns dos objetos que ele consome. Apesar de serem nada apetitosos para humanos, as pedras e outros objetos não comestíveis são normalmente engolidos por muitos cachorros. A maioria passa pelo sistema digestivo dos animais seguramente, mas as pedras são um perigo potencialmente fatal. Sempre observe seu cão quando ele estiver perto de pedras se sabe que é possível ele comê-las. Saber os sintomas de uma condição assim pode salvar a vida do seu animal de estimação.

Outras pessoas estão lendo

O caminho

Tudo que seu cão come viaja da boca, pelo esôfago, para o estômago e pelo intestino delgado antes de ser excretado. A maioria dos itens fazem esse caminho em 10 a 24 horas, mas alguns podem ser muito grandes para fazer o caminho inteiro. O dano que isso causa ocorre normalmente na saída do estômago ou dentro do intestino delgado.

Sintomas

Quando uma pedra fica entalada no estômago ou intestino, problemas abdominais ou vômitos ocorrem. Se seu cachorro estiver vomitando, tiver diarreia e exibir câimbras musculares na área do estômago, a pedra está provavelmente bloqueando apenas parte do intestino. Se vômitos, dores de estômago severas e inchaço ocorrerem, a pedra pode estar bloqueando completamente o estômago ou intestino do cachorro. Qualquer uma dessas situações exige atenção imediata de um veterinário.

Danos

Quanto mais a pedra ficar presa no corpo do seu cão, maiores as chances de haver perda de sangue no estômago e intestino. Esses órgãos começam a morrer se não tiverem sangue. Com isso, há a probabilidade de haver um vazamento ou buraco, liberando enzimas tóxicas e fluidos intestinas no corpo do seu animal, resultando em choques ou infecções sérias.

Tratamento

Um veterinário diagnostica o bloqueio com raios-X ou um ultrassom. Se esses métodos não revelarem nada, uma cirurgia exploratória pode ser a única maneira de localizá-lo. Assim que encontrada, a pedra pode ser removida com um tubo de fibra óptica se ainda estiver dentro do estômago ou através de uma cirurgia se ela estiver presa no intestino. Se o intestino foi danificado, o veterinário o removerá e ligará as pontas restantes para curar o sistema digestivo. Essa cirurgia tem menos chances de ser eficaz se a pedra estiver no sistema do cachorro por vários dias ou mais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível