Quais são as funções do pedúnculo cerebral?

Escrito por jo pick | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as funções do pedúnculo cerebral?
Os pedúnculos cerebrais refinam nosso movimento (dance image by Deborah Durbin from Fotolia.com)

Os pedúnculos cerebrais são dois cilindros compostos inteiramente de nervos, com um em cada lado do cérebro. Esses feixes de nervos transportam informações entre o cérebro superior (córtex) e a parte inferior (tronco cerebral). As informações que os pedúnculos cerebrais carregam estão relacionadas com o movimento do corpo. Quando essa porção é lesionada, geralmente reflete em alguma outra parte do corpo.

Outras pessoas estão lendo

As funções do pedúnculo cerebral

Os pedúnculos (ou seja, uma haste como conexão entre órgãos) cerebrais (ou seja, que está relacionado com o cérebro) são dois tratos de fibras neurais, que normalmente são camuflados pelos lobos temporais. Eles vão da base do córtex até a pons (ponte) e levar as informações relacionadas ao movimento. O pons é uma dilatação redonda na frente do tronco cerebral, que serve como uma conexão entre o cérebro inferior (tronco cerebral) e o superior (córtex). Os pedúnculos cerebrais são apenas dois dos feixes de fibras nervosas que se conectam a ele e são responsáveis por refinar os movimentos. Se os comandos simples de movimento vindos do córtex fossem efetivamente enviados para o corpo, eles seriam irregulares e descoordenados. Com a ajuda do mesencéfalo, especialmente o cerebelo, os pedúnculos cerebrais refinam esses comandos ajustando-os para responderem pelas posições atuais das partes do corpo. Os comandos refinados são então enviados para o corpo juntamente com as informações sobre como acelerar e desacelerar o movimento, dependendo de como ele estiver sendo executado. Os pedúnculos cerebrais são compostos de dois intervalos muito diferentes: a crus cerebri e o tegmentum.

O crus cerebri

A crus (em forma de perna) cerebri (do cérebro) é a parte frontal de um pedúnculo cerebral. Esse trato de nervos transporta os comandos reais para as partes do corpo para controlar o movimento. Essa informação é o resultado da interação entre a decisão consciente de se mover, que se originou no córtex e as modificações e melhorias feitas pelo tronco cerebral com base no estado atual e na posição do corpo. Por exemplo, quando você decide tocar nas suas costas sem virar, o córtex toma a decisão pelo movimento, mas o tronco cerebral adiciona a informação para girar o braço para que a palma da mão vire para cima, o que facilita o toque. O tronco cerebral também monitora o movimento para se certificar de que ele seja executado sem dificuldades. A crus cerebri então leva essa informação "refinada" para o corpo. Quando essa região é afetada, geralmente alguma parte do corpo fica paralisada.

O tegmentum

O tegmentum (revestimento) é a parte de trás do pedúnculo cerebral. Ele aparece muito cedo no desenvolvimento embrionário e é responsável por enviar informações para a frente e para trás, entre o córtex e tronco cerebral, durante o "processo de consulta" que leva ao desenvolvimento da informação refinada que será colocada na crus cerebri. Quando o tegmentum é afetado, o corpo produz movimentos espasmódicos, como os de um robô.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível