Quais são as melhores pastilhas de freio?

Escrito por joshua benjamin | Traduzido por allan magalhães
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as melhores pastilhas de freio?
Não existe uma resposta fácil sobre qual é a pastilha de freio ideal

A escolha das pastilhas de freio para um carro depende de vários fatores, incluindo o tipo de veículo e quanto você está disposto a pagar. Você prefere freios mais silenciosos, mais eficientes ou os que se desgastam menos em contato com o disco de freio? Não existe uma resposta fácil sobre qual é a pastilha de freio ideal, contudo, algumas pastilhas possuem maior qualidade que outras. Esse artigo não é uma análise dos tipos e fabricantes existentes, tratando-se apenas de um resumo geral sobre os quatro tipos diferentes de pastilhas de freio normalmente encontrados.

Outras pessoas estão lendo

Modelos orgânicos sem amianto (NAO)

Geralmente, as pastilhas de freio mais baratas encontradas em qualquer loja de peças automotivas são os modelos orgânicos sem amianto (NAO). Elas são feitas com materiais orgânicos, como kevlar e carbono. Essas pastilhas são mais macias e fazem menos barulho durante a frenagem, mas desgastam-se mais rapidamente e liberam mais pó, devido ao material menos resiliente. Geralmente, os mecânicos qualificados consideram que essas pastilhas são as de menor qualidade, sendo recomendadas apenas quando o objetivo é um preço baixo e a durabilidade não.

Pastilhas NAO com baixo teor metálico

Encontradas com maior frequência em carros europeus, as pastilhas de freio com baixo teor metálico são basicamente o que seu nome indica. Similares às pastilhas orgânicas, onde mais da metade do material usado é orgânico, as pastilhas com baixo teor metálico possuem pequenas quantidades de cobre ou aço para aumentar a resiliência da pastilha. Elas fornecem uma frenagem decente, mas podem ser barulhentas e se desgastarem rapidamente, mas não tanto quanto as pastilhas orgânicas, por conta do material adicional. Os usuários queixam-se que essas pastilhas deixam resíduos enegrecidos nas rodas de liga leve. Leve isso em consideração ao escolher as pastilhas.

Semimetálicas

As pastilhas de freio semimetálicas não são tão populares entre os motoristas de hoje como eram antigamente. O motivo para isso é simples: barulho. Essas pastilhas são construídas com aço e outros metais e, embora elas oferecem uma boa performance e se desgastem mais lentamente que as pastilhas orgânicas, elas são normalmente mais barulhentas. Elas também tendem a desgastar mais os discos de freio, o que é outro fator a se considerar. Porém, caso você não se importe com o barulho, esse tipo de pastilha é uma escolha boa e versátil, com preços razoáveis.

Pastilhas cerâmicas

As pastilhas de freio cerâmicas normalmente são consideradas como as de maior qualidade entre quatro tipos de pastilhas. Elas são mais silenciosas que as semimetálicas, mais limpas que as orgânicas e a composição da pastilha permite uma frenagem mais consistente e suave. Elas tendem a desgastar-se mais lentamente que os outros três tipos de pastilha, porém, a performance delas é reduzida em altas temperaturas. Esse tipo de pastilha é o mais caro, geralmente custando até o dobro do preço dos outros tipos. Ainda assim, caso esteja buscando qualidade e não se importar com o custo elevado, as pastilhas de freio cerâmicas podem ser as ideais para você.

Em conclusão

Este é apenas um resumo geral dos quatro tipos de pastilhas de freio mais comumente encontrados em lojas de peças automotivas. Existem outras dezenas de tipos existentes e a composição e eficácia de cada um deles é diferente. Para descobrir quais são as pastilhas de freio ideais para seu carro, consulte um mecânico qualificado ou uma concessionária local, para descobrir qual o tipo das pastilhas que vieram de fábrica no veículo. Provavelmente elas são as mais eficazes para o veículo em questão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível