Quais os perigos do carvão ativado?

Escrito por kay wagers | Traduzido por marcelo dias
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais os perigos do carvão ativado?
O tempo é crucial para o êxito do tratamento (Creatas Images/Creatas/Getty Images)

Quando alguém ingere algum produto químico perigoso ou substância venenosa, o tempo representa um fator crucial para o êxito do tratamento. Há um método popular que consiste em administrar carvão ativado à pessoa afetada. Embora seja um antídoto eficaz para muitas substâncias nocivas, os perigos do carvão ativado não podem ser ignorados.

Outras pessoas estão lendo

Os fatos

O carvão ativado é um descontaminante intestinal. Produzido a partir de madeira queimada, é utilizado para tratar pessoas que tenham ingerido substâncias nocivas. O carvão não é absorvido pelo corpo, não sendo metabolizado. Absorve produtos químicos no estômago e no trato digestivo, capturando-os e levando-os para fora do corpo, sem permitir sua absorção pela corrente sanguínea. Costuma ser utilizado em primeiros-socorros em caso ingestão de produtos químicos nocivos e veneno, mas esse recurso envolve alguns riscos.

Paciente debilitado

O carvão ativado não deve ser administrado a um paciente que não esteja em pleno estado de consciência. Há o perigo de que reaja vomitando. Se o paciente estiver muito sonolento ou não conseguir proteger suas vias respiratórias, ele pode inalar o vômito. Isso pode fazer com que o carvão ativado ou qualquer outro antídoto chegue aos pulmões, trazendo o risco de grave sufocamento.

Diarreia

Entre os efeitos adversos do carvão ativado estão a constipação e a formação de bezoares, ou grandes formações estranhas, no trato digestivo. Para combater esses efeitos, pode-se combinar carvão ativado com laxantes como sorbitol ou sulfato de magnésio. Esses laxantes, por sua vez, também implicam riscos. É possível que os pacientes reajam tendo diarreia, efeito particularmente perigoso em recém-nascidos e crianças pequenas.

Desidratação

Alguns pacientes reagem vomitando a uma ingestão de carvão ativado. Outros têm diarreia. Outros ainda apresentam esses dois efeitos negativos, o que pode levar a um outro perigo: a desidratação e o desequilíbrio eletrólito. Além de originalmente perigosos, especialmente para os pequenos, esses efeitos podem também comprometer a capacidade de o corpo se recuperar da ingestão de alguma substância nociva para que o carvão ativado tenha sido administrado.

Atraso

O carvão ativado é inodoro e insípido, mas tem uma textura acentuadamente granulada que a maioria das pessoas considera muito repulsiva. Um dos riscos de utilizá-lo como tratamento no caso de ingestão de produtos químicos ou veneno é o de que o paciente, principalmente se for criança, mostre resistência para engolir o carvão, por achá-lo desagradável. Isso pode acarretar um perigoso atraso no tratamento, justamente em uma situação em que o tempo pode ser fundamental no combate aos efeitos nocivos da substância ingerida.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível