Quais são os perigos de usar excrementos de galinha como alimento para peixes?

Escrito por brenda priddy | Traduzido por laísa nascimento
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os perigos de usar excrementos de galinha como alimento para peixes?
Os excrementos de galinha trazem vários problemas quando usados como alimentos de peixes (chicken image by Michael from Fotolia.com)

Os excrementos de galinha são um suplemento usado para alimentar gado e alguns peixes. Eles são usados no lugar de outros alimentos mais caros, o que torna mais fácil criar mais peixes. Contudo, juntamente da economia, existe um preço a se pagar. Alimentar os peixes com titica de galinha trás vários perigos para o peixe, seu ambiente e para os humanos que os consomem.

Outras pessoas estão lendo

Salmonela

Um dos maiores riscos que vem da alimentação de peixes com excrementos de galinhas é o risco de salmonela, que é uma bactéria encontrada na maioria dos produtos da galinha, inclusive ovos, carne e fezes. A salmonela pode ser um perigo para os próprios peixes e para os humanos que consomem carne de peixe com a a presença dessa bactéria.

Agentes patogênicos e bactérias

Vários outros agentes patogênicos e bactérias estão presentes nos excrementos de galinha, incluindo vírus e bactérias que podem adoecer pessoas e peixes. Quando essas fezes são ingeridas, os agentes patogênicos e as bactérias são transferidos para a pele, guelras e intestinos do peixe. Contudo, não ficou provado se a carne fica contaminada. Esses agentes também são transferidos para a água, o que pode causar problemas para animais e pessoas que a bebem.

Parasitas

Alguns excrementos de galinha contém parasitas, como vermes, que podem começar a viver dentro do peixe quando consumidos. Esses parasitas podem comer o peixe de dentro para fora. Se eles estiverem incubados dentro do peixe, eles podem ser transferidos para os humanos se a carne de peixe contaminada for consumida. Contudo, esquentar as fezes em 160 graus irá matar esses parasitas, bem como esquentar o peixe nessa mesma temperatura.

Toxinas

Outras toxinas como mercúrio, arsênico, chumbo e cádmio podem estar presentes nos excrementos de galinha. Resíduos de remédios e uso humano nos sistemas de água e que vivem na água podem estar presentes em algumas fezes de galinha. Essas toxinas são quase impossíveis de expulsar através da fervura.

Água contaminada

Os excrementos de galinha podem se acumular rapidamente em lagoas e tanques de peixes quando não consumidos. Eles podem atrair pestes indesejadas e insetos quando não limpados de forma apropriada. Limpar com frequência os tanques ou lagoas pode reduzir significativamente esse perigo em particular.

Opinião pública

Existe um estigma contra comer peixes que se alimentam de excrementos de galinha. As pessoas não gostam da ideia de consumir peixes que se alimentaram de fezes, mesmo que muitos se alimentam disso quando na natureza. Muitas pessoas podem escolher comprar outras marcas de peixe quando descobre que uma alimente os seus com excrementos de galinha.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível