Quais são os perigos para mulheres que tomam Secotex?

Escrito por sandra phaneuf | Traduzido por tamara loebe
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os perigos para mulheres que tomam Secotex?
Quais são os perigos para mulheres que tomam Secotex? (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Secotex, um bloqueador alfa usado para tratar os sintomas urinários em homens com hiperplasia prostática benigna (também conhecida como hiperplasia prostática), é o nome da marca do medicamento tansulosina. Embora não tenha sido aprovado para mulheres pela Anvisa, os médicos têm recomendado Secotex para mulheres com grande frequência para o tratamento de pedras nos rins, hesitação urinária e outros problemas do trato urinário inferior. Se tiver algum desses sintomas, e recebeu a prescrição para usar Secotex, poderá se perguntar sobre a segurança e a eficácia do uso desse medicamento originalmente desenvolvido para tratar a próstata masculina. O guia abaixo poderá lhe ajudar.

Outras pessoas estão lendo

Função

Secotex funciona relaxando o tecido muscular que inibirá ou esvaziará completamente a bexiga. Esse bloqueador alfa, desenvolvido pela Yamanouchi Pharmaceuticals, é um "antagonista do receptor". Os homens têm receptores alfa na próstata e foi descoberto recentemente que as mulheres também os têm no colo da bexiga. A tansulosina melhora a micção através dilatação da uretra causada pelo relaxamento dos músculos.

Prescrição médica

Os médicos não têm a autorização para dar prescrições para o uso de Secotex para causas não aprovadas. Em muitos casos, o Secotex pode ser prescrito quando os tratamentos tradicionais não fazem efeito.

Efeitos colaterais

Como ele ainda não recebeu a aprovação da Anvisa para mulheres, não existe uma lista abrangente de efeitos colaterais para o sexo feminino. Acredita-se que, geralmente, as mulheres têm efeitos colaterais semelhantes aos dos homens, incluindo uma queda súbita da pressão arterial, o que poderia resultar em desmaios, coriza e tonturas.

Exames

Um estudo de novembro de 2009, na Itália, descobriu que os sistemas de esvaziamento da bexiga melhoraram em 71,4% dos sujeitos do sexo feminino que sofriam com a obstrução da saída da bexiga. Outro estudo realizado afirmou que a tansulosina foi bem tolerada pelos participantes do sexo feminino e que as melhorias na saúde urinária causadas pelo medicamento foram clinicamente significativas.

Considerações

Até que a droga receba aprovação da Anvisa, fica difícil avaliar a segurança do Secotex para mulheres. Você deve conversar com um médico de confiança a respeito de suas preocupações com a droga e considerar usá-la somente quando os métodos previamente aprovados falharem.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível