Quais são os perigos do palmitato de isopropila?

Escrito por alexis writing | Traduzido por eduardo horst maidana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os perigos do palmitato de isopropila?
O palmitato de isopropila é um agente espessante e emoliente utilizado em vários produtos de beleza (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

O palmitato de isopropila (IPP) é um agente espessante e emoliente, derivado primariamente do ácido palmítico, mas também, em menor extensão, do coco. Primariamente usada na indústria cosmética em produtos para a pele, a função principal dessa substância, utilizada geralmente em hidratantes, é tornar a pele macia e brilhante. Sua textura oleosa forma uma fina camada que infiltra a pele. Devido à sua viscosidade, o palmito de isopropila é também um agente aglutinante para muito produtos dermatológicos e é também usado no couro cabeludo. Apesar do seu uso variado, existem alguns perigos associados com o uso dessa substância.

Outras pessoas estão lendo

Irritação cutânea

O palmitato de isopropila pode causar irritações cutâneas, especialmente com seu uso em produtos que contém álcoois sintéticos e isopropílico. Essas reações podem causar vários problemas potenciais de pele, incluindo acne e dermatite.

Quais são os perigos do palmitato de isopropila?
O palmitato de isopropila pode causar irritações cutâneas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Poros entupidos

O palmitato de isopropila pode entupir os poros cutâneos, resultando no aparecimento de espinhas e cravos. A espessura dessa e de outras substâncias semelhantes pode privar a pele de nutrientes como o oxigênio. Se a pele não respira, seus poros podem ficar entupidos, e células da pele saudável podem morrer. Isso também pode levar a pele seca e escamosa.

Quais são os perigos do palmitato de isopropila?
O palmitato de isopropila pode entupir os poros cutâneos, causando acne (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Perigos ambientais

Enquanto os efeitos no corpo humano são óbvios, o palmitato de isopropila também causa perigos ambientais. Essa substância é diretamente derivada da palmeira, que é o alimento básico de espécies importantes de primatas, como os orangotangos. A corrida pela busca de palmeiras, desencadeada pela emergência da indústria cosmética global, tem devastado vastas áreas de palmeiras por todo o mundo, incluindo as florestas tropicais. Essas florestas são o habitat natural dos orangotangos. Privados da sua principal fonte alimentícia, eles morrem de fome. A derrubada excessiva de palmeiras pode levar ao comprometimento e até a uma possível extinção dos orangotangos.

Quais são os perigos do palmitato de isopropila?
A derrubada de palmeiras para extração do palmitato de isopropila prejudica a alimentação dos orangotangos (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível